2 eventos ao vivo

Dominante e objetivo: a vitória do Flamengo com Marcelo Salles

Com o técnico interino, Rubro-Negro mostra um estilo de jogo dinâmico e com triangulações. Resultado deixa o clube carioca na vice-liderança, com 13 pontos somados

1 jun 2019
18h56
atualizado às 21h52
  • separator
  • 0
  • comentários

Mesmo com um técnico interino à frente do time, a torcida do Flamengo compareceu em peso ao Nilton Santos para acompanhar o clube pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, a equipe rubro-negra venceu o Fortaleza por 2 a 0, sem qualquer dificuldade, e conseguiu impor suas ideias táticas no primeiro jogo sem Abel Braga, que pediu demissão na última quarta-feira.

Com o resultado, o time comandando por Marcelo Salles aproximou-se do Palmeiras, primeiro colocado, com 13 pontos, e fica na segunda posição com o mesmo número de pontos. Vale lembrar que o time paulista ainda joga na rodada e teve os três pontos da vitória sobre o Botafogo suspensos até o julgamento do pedido da anulação do jogo. O LANCE! traz a análise do confronto.

SUPERIOR

Marcelo Salles constrói Fla mais dinâmico em campo (Foto: Delmiro Junior/Photo Premium/Lancepress!)
Marcelo Salles constrói Fla mais dinâmico em campo (Foto: Delmiro Junior/Photo Premium/Lancepress!)
Foto: Lance!

Everton Ribeiro destaque da partida (Foto: Delmiro Junior/Photo Premium/Lancepress!)

Com os primeiros 45 minutos de bola rolando, a torcida do Flamengo pôde observas as estratégias adotadas pelo técnico interino Marcelo Salles. A maior posse de bola e as finalizações premiaram os rubro-negros para abrir o placar, após boa trama entre Diego, Everton Ribeiro e Arrascaeta. A triangulação era uma coisa que não era vista no comando do técnico Abel Braga. Com isso, Gabriel Barbosa encerrou de vez o jejum de gols no Brasileiro, teve apenas o trabalho de empurrar para o fundo da rede nos dois gols marcados.

GOSTINHO DE QUERO MAIS...

Arrascaeta dá assistência para dois gols do Flamengo  (Foto: Jorge Rodrigues/Eleven/Lancepress!)

Arrascaeta foi convocado para a Copa América e não vai participar dos três jogos restantes até a parada do Brasileiro para a competição. Com Abel Braga, o uruguaio não teve bom rendimento, com 22 jogos e três gols marcados. Nesta tarde, o atleta mostrou boa dinâmica, com posse de bola e flutuação entre meio e ataque. Tanto que participou diretamente do primeiro e segundo gols.

Ao seu lado, Cuéllar e Everton Ribeiro também tiveram grande destaque na tarde deste sábado. O colombiano conseguiu um grande número de roubadas de bolas e passes rápidos. O meia-atacante também apareceu em vários momentos para ajudar nas jogadas de ataque.

SEM SUSTOS

A zaga passou jogo sem levar gols (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

O Fortaleza teve grandes dificuldades para conseguir infiltrar na zaga rubro-negra. Sob o comando de Abel Braga, o Flamengo teve bom rendimento ofensivo, com 59 gols marcados. Entretanto, no setor defensivo, a equipe apresentou falhas e sofreu grande número de gols que desgastou a relação de Abel e a torcida. Neste sábado, a defesa formada por Léo Duarte e Rodrigo Caio não passou por grandes adversidades por conta da pouca efetividade do time comandado por Rogério Ceni.

POSSE DE BOLA

Flamengo consegue bom ritmo para vencer o Fortaleza (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Para chegar ao resultado positivo, o Flamengo teve alto número de passes. Willian Arão, como um exemplo, tentou se aventurar ao ataque para tentar balançar a rede, mas não teve sucesso desta vez. Foram mais de 607 passes contra 263 do Fortaleza. Além disso, a objetividade em sintonia com a dinâmica foi implementado pelo estilo de Marcelo Salles.

ARTILHARIA COMPARTILHADA

Gabigol marca dois gols na vitória sobre o Fortaleza (Foto: Delmiro Junior/PHOTO PREMIUM)

Com os dois gols marcados, Gabigol se igualou ao companheiro de equipe Bruno Henrique, com quatro anotados, na artilharia do Campeonato Brasileiro. Logo em seguida, a jovem revelação do Fluminense, João Pedro, com três gols marcados até o momento. Agora, a equipe pensa no clássico contra o Fluminense, no domingo, às 19h, no Maracanã. Antes, o Rubro-Negro tem compromisso pela Copa do Brasil: fará o jogo de volta das oitavas de final contra o Corinthians, terça-feira, às 21h30, também no Maracanã.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade