0

Detalhe burocrático impede Guardiola de levar Dani Alves ao City

Interesse de treinador do clube de Manchester no lateral-direito brasileiro é antigo; Espanhol quer melhor jogador da Copa América como concorrência a Kyle Walker

11 jul 2019
18h26
atualizado às 18h38
  • separator
  • comentários

Há dois anos, na janela de inverno de 2017, o reencontro entre Daniel Alves e Pep Guardiola ficou perto de acontecer. O lateral-direito era dado como certo no Manchester City, mas preferiu seguir o compatriota Neymar e assinou com Paris St-Germain. Agora, com Alves livre de contrato, os Citizens teriam caminho livre para fechar com o atleta de 36 anos, que já declarou o interesse em atuar na Liga Inglesa, mas esbarram em um detalhe burocrático.

Daniel Alves foi eleito o melhor jogador da Copa América, vencida pelo Brasil (Foto: LUIS ACOSTA / AFP)
Daniel Alves foi eleito o melhor jogador da Copa América, vencida pelo Brasil (Foto: LUIS ACOSTA / AFP)
Foto: Lance!

ELENCO INTERNACIONAL
Tanto o Campeonato Inglês, como a Liga dos Campeões, impedem os clubes de inscreverem mais de 17 estrangeiros. A equipe da Inglaterra alcançou este número com a recente contratação do espanhol Rodri, junto ao Atlético de Madrid. Na última semana, o meio-campista se juntou a Ederson, Claudio Bravo, Laporte, Mendy, Otamendi, Gundogan, Zinchenko, De Bruyne, Bernardo Silva, David Silva, Fernandinho, Mahrez, Sané, Agüero, Gabriel Jesús e Danilo.

RENDIMENTO DE GAROTO
Segundo uma publicação do espanhol 'Sport', desta quinta-feira, as atuações de Daniel Alves na Copa América teriam saltado aos olhos de Pep Guardiola. Mesmo diante dos 36 anos do brasileiro, o técnico teria convicção que o jogador revelado no Bahia seria a concorrência perfeita para Kyle Walker, atual dono da lateral-direita do City.

O inglês foi contratado em 2017, por incríveis 253,59 milhões de reais, junto ao Tottenham-ING, justamente após a negativa de Alves, que na época, seguiu para o PSG após deixar a Juventus-ITA.

Lance!
  • separator
  • comentários
publicidade