2 eventos ao vivo

De virada, Coritiba derrota o Red Bull Bragantino e conquista primeira vitória na Série A

Equipe paranaense aproveita vantagem numérica em campo e alivia pressão no clube; revés faz Massa Bruta estacionar na classificação

23 ago 2020
18h06
atualizado às 22h42
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Demorou, mas finalmente a primeira vitória do Coritiba na Serie A do Brasileirão aconteceu na tarde deste domingo (23), no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. Saindo em desvantagem após gol de Alerrandro para o Red Bull Bragantino, o Coxa chegou ao tento de igualdade ainda na primeira etapa e, conseguindo a virada no início do segundo tempo com Robson, dando números finais ao jogo.

Com o resultado, o Coxa pulou para a 19ª colocação, somando agora 3 pontos, porém poderá posição para o Ceará que ainda jogará na rodada. Já o Red Bull Bragantino acabou parando nos 5 pontos, caindo para a 11ª posição.

INÍCIO DE JOGO SEM GRANDES EMOÇÕES

Atuando sob seus domínios a equipe do Bragantino sabia da necessidade de uma vitória sobre o lanterna para subir na tabela de classificação. No entanto, precisando dos primeiros pontos, foi a equipe do Coxa quem assustou dando trabalho ao goleiro Cleiton na finalização de Sassá.

RED BULL MELHORA, MAS ESBARRA NA DEFESA PARANAENSE

Aos poucos, os donos da casa passaram a ditar mais o ritmo do jogo. Com isso, antes do 20 minutos completados, por muito pouco o time não conseguiu abrir a contagem em Bragança Paulista, após erro do sistema defensivo do visitantes, sobrando a bola para Morato, mas dando tempo de Wilson tranquilizar tudo ao fazer a defesa.

PRESSÃO DÁ CERTO E MASSA BRUTA ABRE A CONTAGEM

Após intensificar seus ataques, o time comandado por Felipe Conceição, aos 44 minutos, conseguiu tirar o zero do marcador. Após um contra-ataque adversário, o goleiro Wilson não se recuperou no lance e, aproveitando o fato, Alerrandro tocou para Claudinho, que devolveu para o atacante finalizar com precisão. 1 a 0.

COXA CONQUISTA EMPATA LOGO EM SEGUIDA

Não conseguindo nem ter tempo para comemorar seu tento, o Red Bull sofreu um duro golpe já nos acréscimos. Após pênalti cometido por Fabrício Bruno, impedindo uma chance clara de gol, o zagueiro acabou sendo expulso no lance, fazendo com que Sabino conseguisse converter a cobrança e deixar tudo igual. 1 a 1.

COXA VIRA NO INÍCIO DA ETAPA FINAL

Além da desvantagem numérica, o Braga ainda perdeu Alerrandro, que, por sua vez, acabou saindo machucado dando seu lugar a Lucas Evangelista. Aproveitando o momento, a equipe comandada por Mozart conseguiu virar o marcador com Robson, que, por sua vez, aproveitou cruzamento de William Matheus, limpou a marcação e mandou para o fundo das redes. 2 a 1.

DONOS DA CASA CORREM ATRÁS DO PREJUÍZO, MAS SEM SUCESSO

Com a virada sofrida no placar, o Red Bull corria contra o tempo para tentar, ao menos, deixar tudo igual novamente. Entretanto, nem mesmo com algumas alterações como as entradas de Robinho e Luis Phelipe, foram suficientes para evitar as investidas do Coritiba, que conseguia oferecer mais perigo ao gol defendido por Cleiton.

SABINO MARCA MAIS UM, MAS VAR ANULA

E a aposta de manter o time mais ofensivo acabou dando resultado para o alviverde. Com isso, aos 25, Sabino até chegou a fazer mais um no jogo, porém, com a ajuda do VAR, o tento acabou sendo anulado após ser flagrado o impedimento do zagueiro.

VISITANTES SEGURAM RESULTADO ATÉ MINUTOS FINAIS

Com algumas alterações promovidas pelo técnico Mozart para ganhar tempo, além de tentar manter o placar sem alterações, o Coritiba conseguiu segurar a pressão do adversário, dando a deixa para a arbitragem colocar um ponto final no confronto e selar a primeira vitória da equipe na competição.

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 1x2 CORITIBA

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)

Data e hora: 23/08/2020 - 16h (horário de Brasília)

Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Júnior (CBF-PE)

Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (CBF-MS) e Clovis Amaral da Silva (CBF-PE)

VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (CBF-RJ)

Cartões amarelos: Matheus Jesus (RBB)

Cartões vermelhos: Fabrício Bruno e Luis Phelipe (RBB)

Gols: Alerrandro (aos 44'/1ºT) (RBB); Sabino (aos 48'/1ºT) e Robson (aos 7'/2ºT) (COR)

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Fabrício Bruno e Edimar (Weverson, aos 36'/2ºT); Ryller, Matheus Jesus (Luis Phelipe, aos 12'/2ºT) e Claudinho (Robinho, aos 12'/2ºT); Artur, Morato (Ligger, no intervalo) e Alerrandro (Lucas Evangelista, aos 3'/2ºT). Técnico: Felipe Conceição.

CORITIBA: Wilson; Patrick Vieira (Jonathan, aos 37'/2ºT), Rhodolfo, Sabino e William Matheus; Matheus Bueno (Luiz Henrique, aos 21'/2ºT), Matheus Sales e Matheus Galdezani (Rodolfo Filemon, aos 42'/2ºT); Robson (Wellisol, aos 41'/2ºT), Neílton e Sassá (Igor Jesus, aos 41'/2ºT). Técnico: Mozart.

Foto: Twitter/Coritiba
Foto: Twitter/Coritiba
Foto: Lance!

Veja também:

Momento ruim de Corinthians e Palmeiras no Brasileiro são destaques da Coluna de Vídeo
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade