3 eventos ao vivo

Cuca evita comentar nova punição da Fifa: 'Cuido dos meninos e só'

Técnico evitou falar sobre a segunda punição sofrida pelo Peixe na Fifa, que proíbe o clube de contratar por três janelas e diz que não pensa em reforços no momento

21 set 2020
08h33
atualizado às 09h43
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Santos vive uma grave crise financeira e foi surpreendido nesta semana ao receber da Fifa mais uma punição. O Peixe não pode contratar jogadores em função da dívida de R$ 30 milhões com o Hamburgo, da Alemanha, e outros R$ 18 milhões com o Huachipato, da Venezuela.

Cuca evitou comentar sobre nova punição do Santos na Fifa (Foto: Ivan Storti/Santos)
Cuca evitou comentar sobre nova punição do Santos na Fifa (Foto: Ivan Storti/Santos)
Foto: Lance!

Perguntado sobre essas punições em entrevista coletiva após o empate por 0 a 0, contra o Botafogo, o técnico Cuca evitou comentar sobre o assunto.

- Eu cuido dos meninos e só, não quero saber de mais nada. Meu trabalho foi tentar ajustar os casos na Justiça do Everson e Sasha (reforços do Atlético-MG), deu certo. Quitamos parte das pendências e não penso em reforço porque tenho que cuidar dos meninos. Não me queixo de nada. Vou dar meu máximo, não vou lamentar punição - afirmou.

O Estatuto Social prevê anuência do Conselho Deliberativo para contratações a partir de outubro, três meses antes da eleição. Cuca deu sua opinião sobre a situação.

- Colocar culpa em um ou outro... Isso não ajudaria. No dia 30 de setembro, não se pode mais contratar ou vender via Estatuto. São 10 dias. Tirando sábado e domingo, sobram oito - finalizou.

O Santos agora volta a campo na quinta-feira, contra o Delfín, do Equador, na próxima quinta-feira (24), às 23h, pela Libertadores.

Veja também:

Veja as principais revelações que saíram do CT do São Paulo
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade