1 evento ao vivo

Corinthians vive expectativa pela estreia de Yony no Majestoso

Comissão técnica do Timão aguarda que o nome do atacante colombiano seja publicado no BID da CBF para confirmá-lo na lista de relacionados para o clássico com o São Paulo

13 fev 2020
20h04
atualizado às 20h04
  • separator
  • 0
  • comentários

O Corinthians vive a expectativa pela estreia do colombiano Yony González, contratado do Benfica, de Portugal. O atacante treina no CT Joaquim Grava com o restante do elenco desde a semana passada e, caso seu nome apareça no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF até o fim da tarde da próxima sexta, ele poderá jogar o clássico com o São Paulo no fim de semana.

Yony González é o quinto reforço do Corinthians para esta temporada (Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians)
Yony González é o quinto reforço do Corinthians para esta temporada (Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians)
Foto: Lance!

Embora a comissão técnica não confirme, Yony chega ao Corinthians para ser titular da equipe pelas beiradas do campo. Se o jogador estiver à disposição para o Majestoso de sábado, às 19h, no Morumbi, o colombiano deve ser utilizado ao longo da partida.

TABELA
>Veja como está a classificação do Campeonato Paulista

Ainda restam detalhes burocráticos que impedem a aparição do atacante na lista de inscritos do Campeonato Paulista. Contudo, o Alvinegro acredita que a situação seja regularizada ao longo desta sexta-feira.Vale lembrar que o Corinthians tem quatro vagas disponíveis na Lista A do Paulistão e ainda tem seis jogadores não inscritos. São eles: Araos, Carlos Augusto, Yony González, Marllon, Pedrinho e Danilo Avelar. Considerando que Yony e Pedrinho sejam inscritos nesta sexta, o restante briga por apenas duas vagas e vale lembrar que o clube tem negociações avançadas para contratar o volante Ederson, ex-Cruzeiro.

Anunciado como reforço do Corinthians na última terça-feira, Yony assinou contrato com o clube do Parque São Jorge até o fim de 2023 e o Timão desembolsará 2,8 milhões de euros (R$ 13,17 milhões) por 50% dos direitos econômicos do colombiano, que atuou no Fluminense na última temporada.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade