0
Logo do Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians

Corinthians

Corinthians cria pouco e perde de virada para o Santo André

Sem inspiração, equipe de Fábio Carille sofre segundo revés no Campeonato Paulista e com direito a lei do ex

9 fev 2018
21h01
atualizado às 21h20
  • separator
  • comentários

O Corinthians sofreu nesta sexta-feira sua segunda derrota no Campeonato Paulista. A equipe criou poucas chances e perdeu de virada para o Santo André por 2 a 1 em Santo André. Rodriguinho fez o gol do Timão, enquanto Tinga e Lincom marcaram para a equipe do ABC, que ainda não tinha vencido na competição.

Com golaço de Tinga e outro de Lincom, Santo André vence o Corinthians de virada (Foto: Marco Galvão/Fotoarena)
Com golaço de Tinga e outro de Lincom, Santo André vence o Corinthians de virada (Foto: Marco Galvão/Fotoarena)
Foto: LANCE!

A folia de carnaval ficou com a equipe da casa, que foi melhor no segundo tempo, quando conseguiu marcar.

QUEM AVISA AMIGO É...
Na entrevista coletiva desta quinta-feira, véspera do jogo, o técnico Fábio Carille respondeu uma pergunta sobre como parar o atacante Lincom, grandalhão de 1,95m. Carille, que trabalhou com o jogador no Corinthians em 2015, alertou para a força dele pelo alto e disse que o mais importante eram os jogadores que estariam ao seu redor, o nível de concentração deles. Pois em uma cochilada da defesa, Lincom cabeceou livre e decretou a virada do Santo André. A famosa lei do ex...

Carille também tinha mostrado preocupação com o desempenho do Timão, que não vinha criando muitas chances nem mantendo a posse de bola alta como ele gostaria. A situação se repetiu. Foram poucas oportunidades de gol e falta de infiltração na defesa adversária. Foram fatores determinantes para a derrota.

SALVE OS MEIAS
Ainda sem o camisa 9, o Corinthians tem contado cada vez mais com o poder de definição de seus meias. Desta vez foi Rodriguinho quem marcou. Jadson participou de quase metade dos gols do time no ano: três gols e três assistências, dos 13 gols do time.

Do outro lado, quem brilhou foi Tinga. Aquele mesmo, que se destacou pela Ponte Preta e jogou no Palmeiras. Ele empatou a partida com um chutaço de fora da área, sem chances para Cássio. Estrela de um camisa 10, que depois acabou saindo machucado.

XÔ, EMPATES!
A vitória colocou fim a uma série de empates do Santo André. A equipe estreou no Paulista com derrota e depois só havia empatado, quatro vezes. Agora, respira mais aliviado.

E AGORA?
Corinthians precisa melhorar muito em termos de desempenho. A forma de jogar está consolidada, a equipe sofre pouco, mas precisa criar mais. Segue absoluto na liderança do grupo A, com 12 pontos, contra sete do Bragantino.

Já o Santo André chega a sete pontos e iguala a Ponte Preta no segundo lugar do grupo B, embora com um jogo a mais. O São Paulo lidera com dez pontos.

FICHA TÉCNICA
SANTO ANDRÉ 2 X 1 CORINTHIANS
Local: Bruno José Daniel, Santo André (SP)
Data-Hora: 9/2/2018 - 19h
Árbitro: Salim Fende Chavez
Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho e Fabio Rogério Baesteiro
Público/renda: 8.318 pagantes/R$ 437.680,00
Cartões amarelos: Davi Lopes, Joãozinho, Walterson, Paulinho e Jonathan Bocão (STA), Lucca e Pedro Henrique (COR)
Cartões vermelhos: -
Gols: Rodriguinho (38'/1ºT) (0-1), Tinga (7'/2ºT) (1-1), Lincom (35'/2ºT) (2-1),

SANTO ANDRÉ: Neneca; Jonathan Bocão (Hugo Cabral, no intervalo), Domingos, Suéliton e Paulinho; Flávio, Dudu Vieira e Tinga (Davi Lopes, aos 27'/2ºT); Joãozinho, Walterson (Garré, aos 35'/2ºT) e Lincom. Técnico: Sérgio Soares.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Juninho Capixaba; Gabriel (Emerson Sheik, aos 37'/2ºT); Romero (Lucca, aos 25'/2ºT), Rodriguinho, Jadson e Clayson (Marquinhos Gabriel, aos 16'/2ºT); Júnior Dutra. Técnico: Fábio Carille.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade