0

Contrato de Gómez acaba nesta terça, mas não preocupa Palmeiras; entenda

Verdão entrou em acordo com o Milan para receber, na quarta-feira, o documento que libera o zagueiro para ser definitivamente do clube; já há um vínculo assinado até 2024

29 jun 2020
08h04
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Acaba nesta terça-feira o registro de Gustavo Gómez como jogador do Palmeiras, na Federação Paulista de Futebol. Mas não há preocupação no clube. Já há um contrato assinado pelo zagueiro, com validade até a metade de 2024, e foi feito um acordo com o Milan, da Itália, para enviar na quarta-feira o documento que falta para o paraguaio ser definitivamente do Verdão.

Gustavo Gómez tem contrato registrado até esta terça, mas já assinou vínculo até 2024 (Foto: Agência Palmeiras)
Gustavo Gómez tem contrato registrado até esta terça, mas já assinou vínculo até 2024 (Foto: Agência Palmeiras)
Foto: Lance!

A limitação indicada no registro faz parte do que foi combinado com o Milan. Gómez chegou em julho de 2018, emprestado, por 1,5 milhão de euros (quase R$ 6,5 milhões, na época). Um ano depois, o empréstimo foi renovado, por seis meses, e o mesmo ocorreu em janeiro de 2020. A cada nova cessão, o Palmeiras pagava uma parcela ao clube italiano. Agora, tudo está quitado e, na quarta-feira, deve ser enviado o Certificado de Transferência Internacional.O modelo de pagamento ficou acordado ainda em julho de 2018. Alexandre Mattos, então diretor de futebol do Palmeiras, parcelou a compra definitiva de Gustavo Gómez. O Milan, por sua vez, garantia o recebimento de cada parte retendo o registro do jogador a cada seis meses. A lógica foi a seguinte: o Verdão pagava uma parcela, e os italianos re-emprestavam o zagueiro.

No total, a operação custou cerca de 5,5 milhões de euros, valor que, em reais, foi variando de acordo com a intensa alteração no câmbio nos dois últimos anos. No balanço financeiro de 2019, o Palmeiras indicava que ainda deveria pagar R$ 793 mil ao Milan nesta temporada. Agora, a diretoria assegura que tudo está quitado, faltando apenas o documento que libera Gómez em definitivo. O zagueiro já tinha assinado um contrato até o meio de 2024.

Gustavo Gómez conquistou a torcida e a titularidade na campanha do título brasileiro de 2018, e manteve-se no time desde então. Acumula 72 partidas e nove gols no Verdão, que, mesmo tendo-o por empréstimo, exerceu o direito de recusar ofertas de clubes do exterior por ele ao longo dos últimos dois anos.

O zagueiro se juntou ao elenco na última quinta-feira, cumprindo o cronograma de avaliações físicas no gramado antes da retomada dos treinos sem restrições, na próxima quarta-feira. Gómez teve dificuldades para sair do Paraguai, mas fez exames para detecção de coronavírus ainda no seu país e encarou uma viagem de 16 horas de carro até São Paulo, apresentando-se na Academia de Futebol com três dias de atraso, mas com a conivência da diretoria.

Veja também:

Editor do L! analisa duelo quente nos bastidores antes da decisão da Taça Rio
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade