10 eventos ao vivo

Comissão aprova candidatura de Lomba à presidência do Flamengo

Nome da chapa de situação, apoiada pelo presidente Eduardo Bandeira de Mello, o atual VP de Futebol teve a candidatura analisada e aprovada pela Comissão Permanente Eleitoral

19 out 2018
18h58
  • separator
  • 0
  • comentários

A Comissão Permanente Eleitoral do Flamengo aprovou a candidatura de Ricardo Lomba, da "Chapa Azul - Avança Mais", e o atual vice-presidente de futebol será o candidato da situação no pleito presidencial a ser realizado em 8 de dezembro. A decisão foi tomada após uma série de reuniões nesta semana.

A informação foi inicialmente publicada pelo "Uol" e confirmada pelo LANCE!.
Em outubro, a Comissão Jurídica havia analisado que Lomba não poderia se candidatar por conta do cargo que ocupa na Receita Federal. A solução seria o licenciamento da função por parte do diretor - que criticou a condução do caso.

A situação é similar á vivida pelo presidente do Fluminense Pedro Abad, auditor da Receita Federal. Desta forma, a Comissão Permanente Eleitoral colocou uma condição de elegibilidade do candidato: abster-se de assinar as demonstrações financeiras do clube da Gávea. A chapa espera a oficialização junto ao Conselho de Administração para recorrer e livrar a candidatura de qualquer condição.A aproximação da eleição presidencial tornou conturbado o cenário político do clube da Gávea. Além da análise sobre a candidatura de Ricardo Lomba, o uso da cor azul também é alvo de imbróglio judicial entre a chapa de situação, com o apoio do presidente Eduardo Bandeira de Mello, e a de oposição, que tem Rodolfo Landim como candidato ao pleito de dezembro. Em 2012, os dois nomes faziam parte do grupo que apoiou a candidatura do atual mandatário.

Bandeira de Mello também está sendo investigado internamente por ter cometido possível descumprimento do artigo 129, inciso IV e 37 do estatuto - a decisão obriga o mandatário a respeitar as deliberações dos demais poderes, podendo ser suspenso, eliminado ou até perder o mandato. Em entrevista, Bandeira afirmou que os pedidos de impeachment "não tiram o seu sono".

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade