PUBLICIDADE

Comentarista da ESPN critica Otero, do Corinthians: 'Não é futebol americano para só bater falta'

Ex-zagueiro Fábio Luciano desaprova estilo 'único' de meia do Timão: 'É importante o que ele produza para o time nos noventa minutos'

12 mai 2021 11h26
| atualizado às 11h26
ver comentários
Publicidade

Garantido na semifinal do Campeonato Paulista, o Corinthians goleou o Inter de Limeira, nesta terça-feira, por 4 a 1. Na atuação do Timão, porém, uma peça central no campo acabou recebendo críticas do ex-zagueiro Fábio Luciano, comentarista dos canais ESPN. O "desempenho mediano" do meia pode ter atrapalhado o esquema com três defensores, segundo o ex-xerife.

Otero está no Corinthians desde 2020 (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Otero está no Corinthians desde 2020 (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Foto: Lance!

- Sobre o Otero, é isso, não é futebol americano, que o cara entra só para bater a bola parada. É importante o que ele produza para o time nos noventa minutos. Nesse novo sistema, você acaba empurrando mais o Otero para frente pela esquerda, mas, com a recuperação do Vital, do Mosquito, que são jogadores de mobilidade, mais rápidos, talvez o Mancini pense em tirar ele - disse ele, no "Futebol na Veia", e seguiu:

- Ele é o jogador que menos cresceu com esse novo esquema, do meio para frente. Continua tendo atuações parecidas com aquelas antes da troca de formação, continua sendo o nome da bola parada, mas tem outros com essa qualidade também. Então, o Otero precisa produzir mais com o jogo andando - completou.

Com novidade no esquema tático, o Corinthians agora terá de esperar os próximos resultados do Paulista para saber seu adversário nas semis. Em campo, o 4 a 1 foi composto por gols de Jemerson (2), Fagner e Raul.

Lance!
Publicidade
Publicidade