0
Logo do Flamengo
Foto: terra

Flamengo

Com reforço apalavrado, Fla vê o Brasileirão como obrigação

Rubro-Negro terá mais pressão por título nacional após eliminação precoce na Libertadores. Para chegar lá, deve contar com Everton Ribeiro, que

19 mai 2017
07h05
atualizado às 08h59
  • separator
  • comentários

A faixa de 'Brasileiro é obrigação' ficou famosa entre os torcedores do Flamengo há alguns anos no Maracanã. Agora, com a eliminação precoce e vexaminosa na Libertadores, a pressão pelo título nacional volta à tona. Para ir em busca deste troféu - que ganhou um peso enorme - o Rubro-Negro tem algumas "cartas na manga".

O clube está apalavrado com Everton Ribeiro e vai tentar sacramentar a contratação do meia do Al Ahli (EAU) nas próximas semanas. O problema é convencer o clube árabe a ceder na negociação. O diretor de futebol do Flamengo, Rodrigo Caetano, deve viajar em breve para tentar fechar o acordo.

A expectativa é que o time esteja mais encorpado no Brasileiro. Conca pode, finalmente, estrear pelo Rubro-Negro em junho, mas não há confirmação quanto a isso. Ederson está adquirindo ritmo de jogo, e Diego está chegando na fase final de recuperação da artroscopia no joelho direito.

Outra opção é Vinicius Junior. O garoto de apenas 16 anos já estreou profissionalmente justamente no Brasileiro e deve ganhar mais oportunidades ao longo da competição. O Flamengo já tem um acordo costurado para vendê-lo ao Real Madrid em julho do próximo ano, quando a joia completa 18 anos. O valor da negociação é justamente o da nova multa rescisória do contrato do garoto: 45 milhões de Euros (cerca de R$ 154 milhões).

Apesar do Brasileiro agora ser a prioridade, a Copa do Brasil e a Sul-Americana surgem como opções para o Flamengo. No ano passado, o Rubro-Negro foi muito mal nessas duas competições.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade