PUBLICIDADE

Com gol no fim, Ceará vence Grêmio na estreia do Brasileirão

Ceará abriu vantagem na etapa inicial, viu o Grêmio buscar o placar, mas contou com o brilho do camisa 16 nos acréscimos

30 mai 2021 18h16
| atualizado às 18h25
ver comentários
Publicidade

Jogando na Arena Castelão na tarde deste domingo (30), o Ceará bateu o Grêmio em jogo repleto de emoções na Arena Castelão. O Ceará chegou a abrir dois gols de diferença na etapa inicial, mas viu o Grêmio buscar o placar. Entretanto, nos acréscimos, Jorginho deu a vitória para os cearenses em lance que contou com auxílio do VAR.

Ambas equipes voltam a jogar na próxima quarta-feira (2), mas pela Copa do Brasil. O Ceará tem pela frente o Fortaleza, atuando como visitante no clássico que promete ser a revanche da final do Campeonato Cearense, às 19h. Por outro lado, o Grêmio recebe o Brasiliense, em Porto Alegre, às 16h30.

Ceará pressiona a saída, mas...

O início do jogo mostrou um Ceará empenhado em subir as linhas e forçar o erro de passe pelo lado gremista. A estratégia quase deu certo em duas oportunidades. Na primeira, Geromel perdeu a posse da bola, mas se recuperou a tempo de desarmar Rick dentro da área. O atacante ficou reclamando de pênalti, mas nada foi marcado. Pouco depois, Cléber pressionou Ruan e por pouco não conseguiu efetuar o desarme próximo ao gol.

Apostando nas jogadas em profundidade, o Grêmio levou perigo duas vezes em chegadas pelo lado esquerdo. Em um primeiro momento, Lucas Silva lançou Diogo Barbosa que, de primeira, cabeceou para o meio tentando encontrar Ricardinho do outro lado. O atacante até chegou a chutar, mas cometeu falta no goleiro João Ricardo. Já aos 15, Léo Chú fez boa jogada individual e cruzou para o meio. Ricardinho se livrou da marcação e bateu firme, mandando a bola por cima da meta.

Jorginho aparece para o Ceará

Com a metade da etapa se aproximando, o Ceará encaixou melhor a marcação e passou a deixar o ataque adversário com dificuldades para criar as jogadas. Pelo setor ofensivo, Jorginho começou a aparecer mais e organizar as tímidas descidas do time comandado por Guto Ferreira.

Aos 19, o camisa 16 bateu falta próxima a área, mas errou o alvo, fazendo a bola passar por cima do travessão. No lance seguinte, recebeu em velocidade pelo lado esquerdo e bateu cruzado, mandando para fora.

Contando com a sorte

Quando a partida parecia muito mais estudada, a sorte se fez presente para o Ceará. Aos 35 minutos, Saulo Mineiro avançou pelo lado direito e tocou para Cléber. O centroavante recebeu próximo à meia-lua e finalizou. O chute desviou no pé de Ruan, enganando Brenno e morrendo no fundo do gol.

A vantagem por pouco não ficou maior logo em seguida. Assim como no lance do gol, Saulo Mineiro arrancou e serviu Jorginho pelo lado direito. O meia recebeu, olhou para a área e encontrou novamente Saulo, livre, que finalizou em cima do goleiro Brenno.

Com gol no fim, Ceará vence Grêmio na estreia do Brasileirão
Com gol no fim, Ceará vence Grêmio na estreia do Brasileirão
Foto: Kely Pereira / Estadão Conteúdo

Não parou por aí. Se Saulo não aproveitou sua chance, Rick não desperdiçou a dele. Em contra-ataque de almanaque, Cléber recebeu no meio de campo, girou sobre a marcação e serviu Pedro Naressi. O meia avançou pela direita e tocou para Rick. O atacante limpou a marcação levando para a perna esquerda e batendo no contrapé de Brenno, ampliando o placar para o Ceará aos 41 minutos.

Brenno salva e Grêmio diminui

Não satisfeito com a vantagem, o Ceará continuou fechando os espaços do Grêmio e tentando aproveitar as saídas no contra-ataque. Já nos acréscimos, Jorginho fez jogada individual e deixou a bola com Buiú. O lateral cruzou para Cléber, que ajeitou na coxa e mandou para o gol, obrigando Brenno a fazer um verdadeiro milagre para evitar o terceiro do Ceará.

Aos 49 minutos brilhou a estrela de Vanderson. O lateral gremista avançou pela direita, trouxe para o meio, se livrou de dois marcadores com um giro, tabelou com Matheus Henrique dentro da área e bateu cruzado, deixando João Ricardo sem chances. Assim, levou o placar de 2 x 1 para o intervalo.

Voltou ligado!

Repleto de mudanças, o Grêmio voltou melhor nos primeiros minutos da etapa inicial. Logo na primeira volta do ponteiro, Cortez avançou pela esquerda e bateu cruzado. Por muito pouco, Ricardinho não conseguiu completar para o gol. Contudo, no lance seguinte o atacante foi letal. Arrancando desde o campo de defesa, Léo Chú rasgou o campo pelo lado esquerdo e cruzou nos pés do centroavante, que só completou para as redes.

O gol deu ainda mais ânimo para o Grêmio, que continuou pressionando o adversário mesmo jogando fora de casa. Por outro lado, o Ceará tentou manter a posse da bola e esfriar a partida. Tentando sair com os pés, o goleiro Vinícius Machado por pouco não se complicou e entregou a virada nos pés do rival.

Goleiros fazem milagres

Em uma das poucas descidas com perigo ao campo de ataque durante os primeiros 30 minutos da etapa final, o Ceará chegou perto de voltar a ficar na frente do placar. No entanto, depois do domínio e arremate de Rick dentro da área, Brenno voou no canto esquerdo e mandou o perigo para longe.

Do outro lado também brilhou a estrela de Vinícius. Em boa jogada pela esquerda, Cortez deixou a marcação para trás e serviu Léo Chú. O atacante finalizou de primeira, obrigando o goleiro do Ceará a mostrar repertório para, de ponta de dedo, mandar a bola para escanteio.

O brilho de Jorginho

Apagado durante a etapa final, Jorginho apareceu quando o Ceará mais precisou. Aos 48 minutos, o meia aproveitou a sobra de um chute na trave e, de primeira, mandou para o fundo do gol. O lance contou com longa análise do VAR para checar a posição do meia, que era legal.

Nos minutos restantes, o Ceará apenas se defendeu e fechou os espaços, não deixando que o Grêmio buscasse novamente o resultado.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 3 X 2 GRÊMIO

Local: Arena Castelão, em Fortaleza-CE

Data/Horário: 30 de maio de 2021 (domingo), às 16h

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)

Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Júnior (DF)

Gols: Cléber (35'/1°T) (1-0), Rick (41'/1°T) (2-0), Vanderson (49'/1°T) (2-1), Ricardinho (3'/2°T) (2-2), Jorginho (48'/2°T)

Cartões amarelos: Messias, Buiú, Charles (Ceará), Thiago Santos, Pedro Geromel, Matheus Henrique (Grêmio)

CEARÁ: João Ricardo (Vinícius Machado, 0'/2°T), Buiú, Messias, Gabriel Lacerda e Kelvyn; Oliveira, Pedro Naressi (Charles, 30'/2°T) e Jorginho; Rick (Wendson, 48'/2°T), Saulo Mineiro (Yony González, 26'/2°T) e Cléber (João Victor, 30'/2°T). Técnico: Guto Ferreira

GRÊMIO: Brenno, Vanderson, Pedro Geromel, Ruan e Diogo Barbosa (Bruno Cortez, 0'/2°T); Thiago Santos, Lucas Silva (Jean Pyerre, 0'/2°T) e Matheus Henrique; Léo Chú (Guilherme Azevedo, 48'/2°T), Léo Pereira (Jhonata Robet, 0'/2°T) e Ricardinho. Técnico: Evandro Fornari

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

CEARÁ 3 x 2 GRÊMIO

Local: Arena Castelão, em Fortaleza

Data/Horário: 30/05/2021 - 16h (de Brasília)

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (CBF-DF)

Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade e José Reinaldo Nascimento Junior (ambos CBF-DF)

Árbitro de vídeo: Rodrigo D'Alonso Ferreira (CBF-SC)

Cartões amarelos: Messias, Buiú e Charles (CEA); Thiago Santos, Pedro Geromel e Matheus Henrique (GRE)

Cartões vermelhos:

GOLS: Cléber (35'/1°T) (1-0), Rick (41'/1°T) (2-0), Vanderson (49'/1°T) (2-1), Ricardinho (3'/2°T) (2-2), Jorginho (48'/2°T) (3-2)

CEARÁ (Técnico: Guto Ferreira)

João Ricardo (Vinícius Machado, no intervalo), Buiú, Messias, Gabriel Lacerda e Kelvyn; Oliveira, Pedro Naressi (Charles, 30'/2°T) e Jorginho; Rick (Wendson, 48'/2°T), Saulo Mineiro (Yony González, 26'/2°T) e Cléber (João Victor, 30'/2°T).

GRÊMIO (Técnico: Evandro Fornari)

Brenno, Vanderson, Pedro Geromel, Ruan e Diogo Barbosa (Bruno Cortez, no intervalo); Thiago Santos, Lucas Silva (Jean Pyerre, no intervalo) e Matheus Henrique; Léo Chú (Guilherme Azevedo, 48'/2°T), Léo Pereira (Jhonata Robert, no intervalo) e Ricardinho.

Lance!
Publicidade
Publicidade