14 eventos ao vivo

Com gol de Leandro Barcia, Sport derrota o CSA na estreia das equipes pela Copa do Nordeste

Jogador marca no início do segundo tempo e garante a primeira vitória do Leão na competição

25 jan 2020
20h02
atualizado às 20h02
  • separator
  • 0
  • comentários

Com toda a ansiedade criada para a partida de estreia pela Copa do Nordeste, CSA e Sport entraram em campo tarde deste sábado (25), na expectativa de fazer um grande jogo. Mesmo atuando longe de casa, o Leão, com gol do atacante Leandro Barcia, acabou batendo o Azulão por 1 a 0, iniciando sua campanha com o pé direito para alegria da torcida do time pernambucano.

Sendo assim, os comandados de Guto Ferreira somaram 3 pontos, assumindo a liderança provisória do Grupo A, esperando o término da rodada para saber irá manter-se em primeiro. Já os comandados de Maurício Barbieri, acabaram ficando na lanterna do Grupo B, sem nenhum ponto.PRIMEIRO TEMPO

Logo no início, a primeira grande chance foi a favor do CSA. Aos 6 minutos, Pimpão até que tentou abrir a contagem no Rei Pelé, mas acabou finalizando errado para a tranquila defesa de Luan Polli.

Na sequência, o Sport aventurou-se em seu campo de ataque na esperança de marcar primeiro. No entanto, a defesa do Azulão mostrava-se atenta aos lances, conseguindo afastar o perigo.

E o jogo era pegado. Aos 24 minutos, Elton e Alan Costa chegaram a se estranhar em campo, com o juiz acabando com a confusão dando amarelo para ambos.

Na reta final de primeira etapa, o Leão chegou a crescer um pouco no confronto. Aos 39, após boa troca de passes entre Raul Prata, Yan e Jean Patrick, a bola foi jogada na área, mas acabou batendo no atacante Elton e indo para fora, perdendo a chance de abrir a contagem.

Até os acréscimos o CSA não quis deixar barato e foi pra cima também. Em uma nova oportunidade, Rodrigo Pimpão chegou a mandar a bola na trave do adversário, sendo esse o lance mais perigoso antes da arbitragem encerrar a etapa.

SEGUNDO TEMPO

Na volta para última etapa, o CSA partiu pra cima do adversário e, por pouco, não marcou com Rafael Bilu. No entanto, tentando dar a resposta imediata, o Sport não quis saber de ser pressionado e, aos 4 minutos, após boa arrancada pelo lado esquerdo, Elton cruzou na medida para Leandro Barcia cabecear sem chances para o goleiro Caique. 1 a 0.

Motivado pelo tento, o Leão tentou forçar as jogadas em seu campo de ataque, quase conseguindo marcar mais um em seguida, desta vez com Lucas Mugni, mas sem êxito.

Percebendo os erros em campo, o técnico Maurício Barbieri optou por modificar sua equipe. Com as entradas de Bruno José e Jean Kléber, a ideia era dar novo gás para tentar arrancar o empate.

Na sequência, mesmo com as trocas por parte do time alagoano, o Rubro-negro ainda era melhor. Com chegadas perigosas em seu campo de ataque, aos 22, outra vez ele, Leandro Barcia, quase conseguiu marcar um belo gol, mas a bola acabou indo para fora, para alívio da torcida do Azulão.

Até os acréscimos, apesar de toda a insistência do CSA, o atacante Bruno José não conseguiu assustar o goleiro Luan Polli. Com isso, o comandante Guto Ferreira, com sua experiência, visou ganhar tempo com modificações, diminuindo o ritmo do jogo e segurando o resultado até o apito final.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade