0

Com frango de Gatito, Botafogo perde para o Internacional

Alvinegro foi melhor no primeiro tempo, mas não conseguiu manter o ritmo na etapa final. Perto do fim do duelo, frangaço do goleiro em chute de Guerrero deu vitória ao Colorado

30 nov 2019
21h03
atualizado às 21h50
  • separator
  • 0
  • comentários

Por causa de um frango de Gatito Fernández, o Botafogo foi derrotado pelo Internacional, por 1 a 0, na noite deste sábado, no Nilton Santos, nesta reta final do Campeonato Brasileiro. O goleiro alvinegro até fazia uma boa partida, mas no fim, aceitou um chute sem força de Guerrero, autor do gol da vitória colorada. O time de Alberto Valentim vai para as duas rodadas finais da competição seguindo na luta contra o rebaixamento, enquanto o de Zé Ricardo briga pela fase de grupos da Conmebol Libertadores.

O Botafogo contou com 16 estrangeiros na década. No atual elenco, estão o goleiro paraguaio Gatito Fernández, o zagueiro argentino Carli e o meia chileno Léo Valencia. Nesta década, destaque para o atacante uruguaio Loco Abreu, o meia holandês Seedorf e o argentino Lodeiro.
O Botafogo contou com 16 estrangeiros na década. No atual elenco, estão o goleiro paraguaio Gatito Fernández, o zagueiro argentino Carli e o meia chileno Léo Valencia. Nesta década, destaque para o atacante uruguaio Loco Abreu, o meia holandês Seedorf e o argentino Lodeiro.
Foto: Vítor Silva/Botafogo / LANCE!

Com o resultado, o Botafogo ficou nos 42 pontos, em 13º lugar, a seis pontos do Cruzeiro, primeiro time dentro da zona de rebaixamento (a Raposa ainda joga na rodada). O Internacional chegou a 54 pontos, em sétimo lugar, dentro da zona de classificação para a primeira fase da Conmebol Libertadores de 2020. Ambas as equipes voltam a campo pela competição na quarta-feira - enquanto o Alvinegro visita o Atlético-MG, o Colorado pega o São Paulo fora de casa.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR E SIMULAR A TABELA DA COMPETIÇÃOPRIMEIRO TEMPO DE EMOÇÕES
Apesar de não ter saído gols, o primeiro tempo de Botafogo e Internacional foi de emoções para ambas as equipes. O time de Alberto Valentim aproveitava a velocidade no contra-ataque, com a primeira boa chance logo aos três minutos - Rhuan recebeu e mandou, obrigando o goleiro Marcelo Lomba a fazer grande defesa. Vinte minutos mais tarde, Diego Souza acertou o travessão. O Colorado criou oportunidades aos 40, quando Guilherme Parede cruzou, a bola passou por todos e ninguém colocou o pé para estufar as redes. Jogo bastante movimentado na etapa inicial, mas sem gols - por detalhes.

COLORADO RETORNA MELHOR
Na volta para o segundo tempo, o Internacional retornou melhor. Aos 11 minutos, Neilton recebeu com tranquilidade, limpou e mandou para o gol, mas o goleiro Gatito Fernández foi bem e fez grande defesa. Na sequência, uma pressão do Colorado sobre o Botafogo. Aos 17, com Heitor. Aos 18, com Guerrero. Aos 19, com Víctor Cuesta. Diante deste cenário, Alberto Valentim começou a fazer as substituições em sua equipe para tentar corrigir os erros e equilibrar novamente a partida, de olho em garantir, já nesta rodada, a permanência na elite do futebol brasileiro em 2020.

FRANGO DÁ VITÓRIA AO INTER
As mexidas de Alberto Valentim não mudaram muito o panorama do segundo tempo do Botafogo. Aos 33 minutos, Luiz Fernando até teve uma excelente oportunidade, mas a arbitragem marcou impedimento e o lance foi invalidado. Aos 34, Guerrero recebeu de calcanhar de Heitor, que mandou em cima de Gatito Fernández. Até que, aos 38, um frango do goleiro do Botafogo deu a vitória ao Internacional. Guerrero recebeu de Edenilson, chutou na marcação, a bola sobrou para ele próprio mandar de novo, sem força, mas Gatito Fernández aceitou. Vitória do Colorado por 1 a 0. Pelo segundo tempo, justa. Os times brasileiros precisam aprender a colocar os times mais ofensivos...

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 0 X 1 INTERNACIONAL

Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 30/11/2019, às 19h (de Brasília)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR) - Nota LANCE!: 7,0 (um bom desempenho, acompanhando sempre de perto as jogadas)
Assistentes: Bruno Boschilia (PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Árbitro de vídeo: Wagner Reway (PB)
Gramado: Bom
Público/renda: 28.208 pagantes/30.596 presentes/R$ 394.256,00
Cartões amarelos: Alex Santana, Joel Carli (BOT) e Rodrigo Lindoso, Uendel, Edenilson (INT)
Cartão vermelho: -

GOL: Guerrero 38'/2ºT (0-1)

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Fernando (Marcinho 21'/2ºT), Joel Carli, Marcelo Benevenuto, Yuri; Cícero (Jean 31'/2ºT), João Paulo e Alex Santana (Leonardo Valencia 24'/2ºT); Luiz Fernando, Diego Souza, Rhuan. Técnico: Alberto Valentim.

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba, Heitor, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta, Uendel; Rodrigo Lindoso e Edenílson; Guilherme Parede (Wellington Silva 31'/2ºT), Neilton (Nico López 25'/2ºT) e Patrick (Nonato 14'/2ºT); Paolo Guerrero. Técnico: Zé Ricardo.

Veja também:

 

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade