0

Com emoção e show de Okorie, Vasco vence Brasília na estreia do NBB

Cariocas salvam bola no último segundo e seguram vitória por 77 a 76, e o armador norte-americano aplica 29 pontos na disputa deste sábado no Ginásio Nilson Nelson

13 out 2018
18h18
atualizado às 18h18
  • separator
  • 0
  • comentários

A primeira partida de Vasco e Universo/Brasília pelo NBB rendeu emoção até os segundos finais. Neste sábado, o Cruz-Maltino venceu os brasilienses por 77 a 76, no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília, Distrito Federal. Além disso, houve um show à parte do armador Okorie, da equipe carioca, que foi o cestinha do confronto, com 29 pontos, cinco rebotes e três assistência. Pelo lado dos Lobos, Zachary marcou 25.

BRASÍLIA 76x77 VASCO (Foto: Francisco Stuckert / Agencia F8)
BRASÍLIA 76x77 VASCO (Foto: Francisco Stuckert / Agencia F8)
Foto: Lance!

O Universo Brasília enfrenta o Flamengo na segunda-feira, às 20h, também em casa. Na sexta-feira, o Vasco enfrenta o Joinville, no Ginásio de São Januário, às 19h.
O JOGO

No primeiro quarto, foi o Universo Brasília que começou a se impor na partida. A equipe anfitriã chegou a abrir sete pontos de vantagem, entretanto, o Vasco reagiu e aplicou virada, sem tomar conhecimento. Para ressaltar, as bolas infiltradas foram bem aplicadas.

Na volta para o segundo período, o Vasco manteve a pegada, porém os brasilienses também cresceram e equilibraram a partida. Com Zackary sendo cestinha, obteve 15 pontos, e o Brasília saiu com a vitória no primeiro tempo por 39 a 37. Se no quarto anterior foi as bolas infiltradas, os chutes de três foram bem explorados pelas equipes.

Na segunda etapa, os Lobos começaram na frente do placar e conseguiram aplicar certa vantagem. Porém, mais uma vez, os cariocas viraram, o que colocou mais ânimo no embate. Depois disso, os times se alternaram no placar, mas melhor para os vascaínos que saíram para o último período em vantagem. Okorie aplicou 23 pontos.

No último e derradeiro quarto, as equipes já apresentaram certo cansaço e mantiveram a posse de bola. O duelo manteve equilibrado e se alternando no placar, e o armador vascaíno em destaque, com 29 pontos, conseguiu dar a vitória para os cariocas em arremesso de dois nos segundos finais.

Ao final do confronto, o técnico Alberto Bial tirou a camisa e comemorou junto aos jogadores e torcedores que estavam no Ginásio. O comandante se mostrou aliviado com a vitória, pois clube vive momento tenso na política.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade