2 eventos ao vivo

Com domínios distintos, Bota e Vasco empatam na Taça Rio

Clássico marcou a rodada de abertura do segundo turno do Campeonato Carioca, na noite deste sábado, no Nilton Santos

23 fev 2019
21h38
atualizado às 21h46
  • separator
  • comentários

No clássico da primeira rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, Botafogo e Vasco ficaram no empate em 1 a 1, na noite deste sábado, no Nilton Santos. O primeiro tempo foi de domínio do Cruz-Maltino, com Yago Pikachu fazendo o gol. Já a etapa final foi o Alvinegro que predominou, com Marcelo Benevenuto empatando. O resultado deixou o Bota com um ponto, em primeiro lugar no Grupo C - na igualdade com o Bangu. Já o Vasco, com a mesma pontuação, ficou em terceiro no Grupo B - ao lado do Madureira.

Com domínios distintos, Bota e Vasco empatam na Taça Rio
Com domínios distintos, Bota e Vasco empatam na Taça Rio
Foto: VITOR SILVA/SSPRESS/BOTAFOGO / LANCE!

Início elétrico

Não é novidade para os torcedores do Vasco a capacidade de Yago Pikachu em eletrizar os jogos. E não foi diferente no clássico deste sábado, com o Botafogo. Logo aos seis minutos do primeiro tempo, o pokémon cruz-maltino mostrou mais uma vez a perspicácia apresentada nos anos de São Januário, aproveitando lindo cruzamento de Cáceres para colocar o 1 a 0 no placar na segunda finalização, depois de Gatito dar rebote na primeira tentativa.

Jogadores do Vasco comemoram o gol de Yago Pikachu
Jogadores do Vasco comemoram o gol de Yago Pikachu
Foto: MARCELO GONCALVES/AGÊNCIA O DIA / Estadão

Equilíbrio com o tempo

Depois de abrir o placar, o Vasco criou dois minutos mais tarde com Maxi López, que recebeu de Rossi e obrigou Gatito a fazer grande defesa. Após isto, o Cruz-Maltino acabou diminuindo um pouco o ritmo, passando a dar mais espaços para o Botafogo. Aos 25, Erik desperdiçou uma boa chance ao receber de Alan Santos, que roubou a bola de Maxi López. O restante da etapa inicial foi sem muita efetividade dos dois lados, mantendo a vitória parcial do time de Alberto Valentim para o intervalo.

Melhora alvinegra
Já no segundo tempo, o Botafogo de Zé Ricardo melhorou. As mudanças no vestiário durante o intervalo fizeram a equipe alvinegra acordar, aproveitando um Vasco que passava a deixar espaços. Aos oito minutos, esta evolução se refletiu no empate. Marcelo Benevenuto aproveitou de cabeça após escanteio cobrado por Leo Valencia e fez o 1 a 1, sem chances de defesa para o goleiro Fernando Miguel. Aos 20, a trave salvou o Cruz-Maltino de sofrer o segundo, em tentativa de Gustavo Ferrareis.

Botafogo empatou o jogo com gol de Marcelo Benevenuto, que deixou o placar em 1 a 1
Botafogo empatou o jogo com gol de Marcelo Benevenuto, que deixou o placar em 1 a 1
Foto: ALEXANDRE DURÃO/CÓDIGO19 / Estadão

Fim também elétrico
Assim como no começo do clássico, a eletricidade dominou os minutos finais. Aos 26, Ribamar desviou e Andrey marcou, mas o gol foi bem anulado pela arbitragem por conta de impedimento do volante. Aos 28, Gustavo Ferrareis mandou de fora e Fernando Miguel espalmou para escanteio - cobrado prontamente, com Gabriel cabeceando com perigo para outra grande defesa do arqueiro do Vasco. A emoção permaneceu até o apito final, com o jogo ficando no 1 a 1. Pela Taça Rio, ambas as equipes voltam a campo no próximo sábado. Enquanto o Botafogo visitará o Volta Redonda, o Vasco receberá o Boavista.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 1 X 1 VASCO

Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 23/2/2019, às 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ) - Nota LANCE!: 6,5 (anulou bem por impedimento gol irregular no segundo tempo)
Assistentes: Jackson L. M. dos Santos (RJ) e Wagner Almeida Santos (RJ)
Público/renda: 9.002 pagantes/R$ 288.838,00
Cartões amarelos: Marcelo Benevenuto, Erik (BOT) e Maxi López (VAS)
Cartão vermelho: -

GOLS: Yago Pikachu 6'/1ºT (0-1) e Marcelo Benevenuto 8'/2ºT (1-1)

BOTAFOGO: Gatito, Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel e Gilson; Jean (Gustavo Bochecha intervalo), Alan Santos (Gustavo Ferrareis 14'/2ºT), Rickson (Wenderson 33'/2ºT) e Leonardo Valencia; Erik e Luiz Fernando. Técnico: Zé Ricardo.

VASCO: Fernando Miguel, Cáceres, Werley, Leandro Castan e Danilo Barcelos; Raul (Andrey 29'/1ºT), Lucas Mineiro e Bruno César; Yago Pikachu, Rossi (Lucas Santos 20'/2ºT) e Maxi López (Ribamar 12'/2ºT). Técnico: Alberto Valentim.

Veja também:

 

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade