0

Choque de desempenhos: Jorge Wilstermann e River Plate no embate de Cochabamba

As duas equipes possuem desempenhos "perfeitos" nas partidas que apresentam exatamente as condições do embate dessa noite na Bolívia

14 set 2017
12h13
  • separator
  • comentários

Há exatos 2574 metros acima do nível do mar, Jorge Wilstermann e River Plate começam hoje, às 21h45, a duelar por uma vaga na próxima fase da Copa Libertadores. Na bagagem, enquanto os bolivianos quebraram os prognósticos eliminando o Atlético-MG, o River vem de uma campanha tranquila na primeira fase e uma classificação segura diante do Guaraní.

Além da qualificação, ambos os lados tem o objetivo também de fazer com que um dos lados perca seu excelente retrospecto na edição de 2017 na Liberta nas condições do jogo de hoje: Enquanto o Wilstermann venceu todos os seis jogos como mandante, o River está 100% atuando longe de Buenos Aires.

Dentro de suas competições locais, vivem estágios distintos até mesmo pelo fato de, no campeonato argentino, terem sido realizadas somente duas partidas nesse segundo semestre. Tendo, dentro dos dois duelos, o Millonario conseguido dois triunfos.

Já no Aviador, a confiança para o embate de hoje no Estádio Felix Capriles também vem do bom desempenho no Clausura local onde lidera com 17 pontos após oito compromissos, quatro unidades a frente do vice-líder Oriente Petrolero.

Em relação a desfalques, os donos da casa vão precisar fazer apenas um mudança do time-base que tem usado o técnico peruano Roberto Mosquera que é a saída de Omar Morales (lesão no joelho) para a entrada de Jorge Ortiz.

Por parte de Marcelo Gallardo, o time campeão da competição continental há dois anos atrás não terá a possibilidade de aproveitar, dentre os últimos contratados, com Marcelo Sarachi e Nicolás de la Cruz, os dois por não chegarem a tempo do término das inscrições para a atual fase do torneio sul-americano.

Prováveis escalações:

Jorge Wilstermann: Raúl Olivares; Jorge Ortiz, Alex Silva, Edward Zenteno e Juan Pablo Aponte; Fernando Saucedo e Cristhian Machado; Rudy Cardozo, Serginho e Cristian Chávez; Gilbert Álvarez.

Técnico: Roberto Mosquera.

River Plate: Germán Lux; Jorge Moreira, Jonatan Maidana, Javier Pinola e Milton Casco; Leonardo Ponzio; Carlos Auzqui, Ignacio Fernández, Ariel Rojas e Gonzalo Martínez; Ignacio Scocco.

Foto: Arte Futebol Latino
Foto: Arte Futebol Latino
Foto: LANCE!

Técnico: Marcelo Gallardo.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade