1 evento ao vivo

Chelsea empata em casa com Everton e pode se distanciar do topo do Inglês

Os Blues fizeram uma partida equilibrada com o Everton, apesar da pressão no segundo tempo e não saíram do 0 a 0. Em caso de vitória do líder City, distância pode aumentar

11 nov 2018
14h13
  • separator
  • comentários

De olho na liderança, o Chelsea recebeu o Everton, neste domingo e não conseguiu sair do zero. Em jogo equilibrado no primeiro tempo,o Chelsea passou a pressionar mais na segunda etapa, mas, apesar da pressão, não abriu o marcador. O empate mantém a equipe na terceira posição da Premier League e, em caso de vitória do Manchester City, pode ficar a cinco pontos da liderança. O 0 a 0, porém, aumenta a invencibilidade dos Blues para 13 jogos.

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
Foto: Lance!

Os brasileiros
O Chelsea começou a partida com David Luiz e Willian no time titular, enquanto o Everton teve em seu onze inicial, os atacantes Richarlison e Bernard. Mina, ex-Palmeiras, também foi titular, porque o zagueiro Zuma, ainda tem vínculo com o Chelsea e, por contrato, não pode atuar contra o time londrino.

Everton melhor no início
A partida começou equilibrada, com as duas equipes jogando de forma ofensiva. Enquanto o Chelsea mantinha a posse de bola, ficando mais tempo com a bola no pé no setor defensivo do adversário, o Everton chutava mais para o gol. Em uma dessas investidas, Bernard chutou forte, de fora da área e assustou o goleiro Kepa.

Jogo pegado
Com as duas equipes tentando impor seu estilo, o jogo passou a ficar mais pegado. Ao todo, só na primeira tempo, foram cinco amarelos. Jorginho e Kanté, com faltas duras, foram punidos, assim como Mina, pelo lado do Everton. Bernard e Rudiger discutiram e também foram amarelados.Grande chute, grande defesa
Na melhor chance do Chelsea, Marcos Alonso acertou um lindo chute, de primeira, com pouco ângulo. O goleiro da seleção inglesa, Jordan Pickford reagiu rápido e efetuou uma defesa acrobática, que gerou aplausos do estádio.

• CONFIRA A TABELA COMPLETA DA PREMIER LEAGUE

Lá e cá
Quem começou assustando no segundo tempo foi o Everton. O atacante islandês Sigurdsson acertou um chute forte e obrigou Kepa a fazer uma grande defesa, jogando para escanteio. O Chelsea respondeu com Hazard, que com uma boa finalização obrigou Pickford a fazer mais uma bonita defesa.

Chelsea vai para cima
Querendo a vitória, o treinador Maurício Sarri resolveu refrescar o time e lançou Pedro e Fabregas nos lugares de Willian e Jorginho, respectivamente. Alonso, nesse meio tempo, acertou a trave. Morata completou cruzamento de Azpilicueta e chegou a marcar, mas o auxiliar apontou o impedimento e o gol foi anulado.

Empate frustrante
A equipe londrina, nos minutos finais, pressionou o adversário, mas não conseguiu marcar o gol. O empate mantém os Blues na terceira posição e, em caso de vitória do Manchester City na rodada, pode se distanciar mais da liderança da Premier League.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade