0

Cenário de guerrilha no Chile motiva Inter a apresentar reclamação formal na Conmebol

Enquanto partida contra La U transcorria dentro das quatro linhas, briga entre torcedores e policiais e até mesmo incêndio surgiu nas arquibancadas do Estádio Nacional

5 fev 2020
16h09
atualizado às 16h12
  • separator
  • 0
  • comentários

O temor existente antes mesmo do apito inicial para Universidad de Chile x Internacional pela Pré-Libertadores acabou se confirmando com cenas dignas de guerrilha protagonizadas nas arquibancadas do Estádio Nacional.
Além das confusões envolvendo torcedores de La U e a polícia onde confrontos e um incêndio chegaram a ser gerados, o arqueiro Marcelo Lomba teria sido atingido por objetos vindos da arquibancada além de invasões de campo. Tudo isso sem que a arbitragem, por motivo de segurança, tomasse a decisão de parar o duelo em qualquer momento.

Em meio a esse cenário de absoluta tensão, o Inter tomou a decisão de apresentar uma reclamação formal a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) demonstrando sua insatisfação com o caso e pedindo uma medida da entidade sul-americana.

Segundo informação do portal Globo Esporte, a Conmebol tem a intenção de fazer uma análise do caso através da súmula com os relatos da arbitragem além do testemunho de sete oficiais da organização que estavam presentes em Santiago. Entretanto, não existe ainda um prazo para a decisão de punir disciplinarmente ou não a equipe chilena.

Seja lá como for, fato é que La U e o Colorado definem o classificado a próxima fase da Pré-Libertadores na terça-feira (11) às 19h15 (horário de Brasília) no Beira-Rio. Com um novo 0 a 0 levando a disputa para os pênaltis e o vitorioso se classificando, qualquer empate com gols favorece o time chileno pelo critério do gol qualificado como visitante que segue vigente em torneios da Conmebol.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade