3 eventos ao vivo

Canal Woohoo ganha sete posições no ranking de TV por assinatura com matérias antes da luta de Borrachinha

Com materiais especiais e inéditos, canal Woohoo teve grande audiência antes da luta de Paulo Borrachinha contra Israel Adesanya, realizada no UFC 253; saiba mais:

5 out 2020
13h29
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

No último dia 26 de setembro, antes da luta entre Paulo Borrachinha e Israel Adesanya no UFC 253, o canal Woohoo dedicou três horas para preparar o espectador para o evento. A partir das 16h, a programação exibiu matérias dedicadas ao principal evento de MMA do planeta e à participação do lutador brasileiro na luta pelo cinturão peso-médio do Ultimate.

Paulo Borrachinha enfrentou Israel Adesanya pelo cinturão peso-médio no UFC 253 (Foto: Divulgação)
Paulo Borrachinha enfrentou Israel Adesanya pelo cinturão peso-médio no UFC 253 (Foto: Divulgação)
Foto: Lance!

- Nos preocupamos em preparar o espectador, falando dos lutadores brasileiros que estavam no card do evento, além da trajetória e preparação do Paulo Borrachinha para aquele confronto - explica a Gerente de Produção, Alessandra Jouanou.

O canal contou com a ajuda do Presidente do Jungle Fight, Wallid Ismail, que estava acompanhando o lutador em toda a jornada de preparação e viajou com o atleta.

- O Wallid foi decisivo. A gente sabia que o Borrachinha estava focado no evento e o Wallid, acompanhando o lutador, captou imagens que poucas pessoas poderiam fazer - reforça Alessandra. Além disso, o canal contou com o material produzido pela equipe do próprio Borrachinha, fazendo com que o espectador entrasse realmente no dia-a-dia do atleta.

E o público sempre agradece quando você oferece produção relevante e interessante. No sábado, dia 26 de setembro, entre 16h e 19h, a audiência foi 270% maior do que a média dos últimos três sábados, fazendo com que o canal melhorasse sete posições no ranking de TVs por assinatura naquele horário, superando canais como BandSports, Telecine Cult e NatGeo Kids.

Veja também:

Confira a repercussão da morte de Maradona na Argentina e pelo mundo
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade