1 evento ao vivo

Bronze na Copa América de basquete, Damiris crê em evolução da Seleção: 'Estamos no caminho certo'

Após quinta temporada na WBNA, pivô do Minnesota está atuando na Coreia. Com o Brasil, atleta garante foco total no Pré-Olímpico: 'Muito importante pro basquete brasileiro'

20 out 2019
07h35
  • separator
  • 0
  • comentários

São dez anos de carreira, a realização do sonho de atuar na maior liga de basquete do mundo e de poder defender o Brasil nas quadras. A trajetória de Damiris Dantas é vista como referência entre as companheiras de Seleção. Ao lado das comandadas de José Neto, a pivô conquistou a medalha de bronze na Copa América, segunda consecutiva da equipe desde a chegada do novo treinador.

Agora, após mais um passo importante no processo de evolução da equipe brasileira, a jogadora do Minnesota Lynx projeta conquistas ainda maiores com a Amarelinha. Mesmo fora do grupo que conquistou o ouro no Pan-Americano, a atleta confia numa reestruturação ainda maior da modalidade no país.

- Eu acompanhei todos os jogos do Pan e torci muito. Apesar de não estar lá, me senti parte e fiquei muito orgulhosa das meninas. Na AmeriCup, fomos bem também, e eu já estava integrada. É claro que queríamos a medalha de ouro, mas não podemos deixar de enaltecer todo trabalho que foi feito. Há muito o que melhorar, mas estamos no caminho certo. Sou a favor de uma gestão igualitária, onde o principal objetivo tem que ser o crescimento da modalidade no Brasil - disse.

Defendendo o BNK Busan, da Coreia, enquanto não começa mais uma temporada da WBNA, Damiris não esconde o desejo de buscar novas conquistas com a Seleção. Depois do bronze na AmeriCup, a pivô vive a ansiedade para o compromisso mais importante que está por vir na agenda da Seleção. O Pré-Olímpico das Américas, que será realizado entre os dias 14 e 17 de novembro, em Bahia Blanca, na Argentina.

- As expectativas para o Pré-Olímpico são as melhores. No momento, estou na Coreia, mas já deixei minha participação acordada antes de assinar aqui. Estou empolgada para participar desse momento tão importante para o basquete feminino brasileiro - comentou.

Damiris confia em evolução ainda maior da Seleção Feminina de basquete | (Foto: Divulgação/ FIBA)
Damiris confia em evolução ainda maior da Seleção Feminina de basquete | (Foto: Divulgação/ FIBA)
Foto: Lance!

Jogadora disputou a quinta temporada no WBNA, desta vez, defendendo novamente o Minnesota | (Foto: Reprodução /Instagram)

Adaptação difícil nos Estados Unidos

Após a quinta temporada na WBNA, a atleta do Minnesota Lynx vive um dos momentos mais especiais na carreira. No entanto, para chegar ao ápice nas quadras, Damiris enfrentou uma série de desafios até se estabelecer tranquilamente longe de casa. De volta ao time que a draftou em 2012, a pivô crê em uma evolução ainda maior para o futuro na modalidade.

- Para ser sincera, a adaptação não foi nada fácil. Então, vejo que meu crescimento só aconteceu depois de jogar muitas temporadas da WNBA. Agora posso dizer que estou acostumada. As coisas no Lynx estão acontecendo aos poucos, e vamos tentar elevar nosso patamar na próxima temporada. A equipe está bem renovada. Sou muito feliz por representar o meu país na maior liga do planeta. A treinadora vem me dando oportunidades e tenho aproveitado. Acredito que estou evoluindo e a tendência é seguir assim por um bom tempo. A motivação para seguir trabalhando é enorme - disse Damiris.

Além do Minnesota, Damiris também defendeu a equipe do Atlanta Dream durante sua trajetória na WBNA. Quando draftada, a pivô foi a 12ª escolhida na primeira rodada de selecionadas.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade