1 evento ao vivo

Bragantino domina o Figueirense, vence outra na Série B e vira líder

Mesmo sendo superior em quase toda a partida, o Massa Bruta encontrou sérias dificuldades para furar o bloqueio defensivo da equipe catarinense

21 mai 2019
23h34
atualizado às 23h46
  • separator
  • 0
  • comentários

O método de jogo priorizando o domínio da posse de bola e volume exercido pelo Bragantino ficou evidente na ótima vitória por 2 a 0 contra o valente Figueirense, no estádio Nabi Abi Chedid, pela Série B do Brasileirão. Ytalo e Tony (contra) marcaram os gols do triunfo.

Equipe de Bragança Paulista saiu com a vitória (Foto: Divulgação/Bragantino)
Equipe de Bragança Paulista saiu com a vitória (Foto: Divulgação/Bragantino)
Foto: Lance!

Com o resultado, o Furacão do Estreito fica em décimo com seis pontos, enquanto o Braga pula para a ponta da tabela, com dez, tendo melhor saldo de gols e um jogo a mais do que o Londrina.

BOM DUELO DE PROPOSTAS

As duas equipes mostravam-se bastante fiéis e conhecedoras do que precisavam fazer para aplicar os estilos antagônicos de jogo, nos quais o Figueirense apostava na velocidade dos contra-ataques e o Braga preferia a troca de passes, domínio territorial e achar os espaços na zaga adversária com tabelas rápidas.

Mesmo com o time de Florianópolis conseguindo algumas boa escapadas, principalmente quando a bola circulava nos pés do meia Matheuzinho e do atacante João Diogo, quem teve o lance mais agudo de gol foi o Massa Bruta.

Aos 16 minutos, Claudinho recebeu passe na ponta esquerda, cortou para o meio abrindo espaço para a finalização e chutou forte para uma defesa segura de Denis.

ASSUMIU O CONTROLE

Após os 25 minutos, a maneira de jogar da equipe paulista passou a se sobrepor ao estilo do adversário, algo que deixou por algum tempo o Alvinegro de Santa Catarina sem conseguir exercer sua saída de jogo rápida e visualmente "encurralado".

Um dos momentos onde esse cenário ficou evidenciado surgiu quando, em bola alçada na área, tamanha era a pressão do Bragantino que o lateral-direito Aderlan apareceu para testar a bola e ver Denis fazer outra importante intervenção.ESPREMIDO

Claudinho, Léo Ortiz, Edimar... todos eles formularam alternativas de perigo contra o gol de Denis e viram a bola sempre passar perto da meta do Figueirense. Apesar do problema de pontaria, o volume de jogo da equipe de Bragança Paulista era sufocante e praticamente não dava espaços para que o Figueira conseguisse qualquer solução.

QUE CHANCE E QUE FRIEZA!

A entrada de Betinho no lugar de Rafael Marques, que tinha a intenção de fazer com que o Figueira "respirasse" em alguns momentos, teve pouca eficiência. Entretanto, bastou uma escapada pegando a zaga do Bragantino um tanto quanto desmontada e o Figueirense esteve muito perto de abrir a conta no interior paulista. João Diogo ficou cara a cara com Júlio César e tocou por cima do arqueiro, mas Léo Ortiz tirou em cima da linha.

'ÁGUA MOLE EM PEDRA DURA'

Depois de muito insistir e variar as alternativas em busca do tão perseguido gol, com direito a uma ponte muito bonita de Denis, uma cobrança de escanteio achou Ytalo na primeira trave, e o atacante cabeceou totalmente no contrapé do arqueiro adversário aos 40 minutos.

CONSOLIDOU O TRIUNFO

Já no lance final do confronto, Thiago Ribeiro fez o cruzamento com Denis cortando na pequena área e, no rebote, Claudinho bateu forte de pé direito. A bola acabou sendo desviada por Tony e entrou na meta catarinense: 2 a 0 Bragantino, placar final.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade