0

Barroca explica mudanças no Bota e salienta: 'Foco em controlar o jogo'

Técnico do Alvinegro falou sobre as alterações na equipe em relação ao último jogo. O próximo compromisso será nesta quarta, contra o Sol de América, pela Sul-Americana

21 mai 2019
22h22
atualizado às 22h28
  • separator
  • 0
  • comentários

Sob muita chuva e uma temperatura na casa dos 20ºC, o Botafogo treinou na noite desta terça-feira, véspera do jogo contra o Sol de América, no campo que pertence à sede Conmebol e que fica ao lado do hotel no qual a delegação está hospedada.

Eduardo Barroca concedeu entrevista no saguão do hotel, após o treino (Foto: Divulgação / Botafogo)
Eduardo Barroca concedeu entrevista no saguão do hotel, após o treino (Foto: Divulgação / Botafogo)
Foto: Lance!

Na atividade, Eduardo Barroca promoveu duas alterações em relação ao último jogo: entram Gilson e Leo Valencia, nas vagas de Jonathan e Bochecha, respectivamente. O técnico, em entrevista coletiva concedida logo em seguida, confirmou o time e projetou o confronto pela Copa Sul-Americana.

- Espero um jogo muito competitivo, como são os jogos internacionais. A nossa equipe que vai a campo é experiente. Esperamos fazer uma boa partida e trazer a vantagem aqui e levar para o segundo jogo, o que seria muito importante. Eu pedi para um membro da nossa equipe vir ao Paraguai, contra o Cerro (Porteño), no fim de semana. É uma equipe de competitividade e intensidade alta. Esmiuçamos bem, mas o nosso foco é que podemos fazer um bom jogo e controlar na partida - comentou o treinador de 37 anos.

Barroca também respondeu especificamente sobre as escolhas por Gilson e Valencia. Por fim, afirmou que não há favoritos no duelo continental, a ser realizado às 19h15 (de Brasília) e válido pela ida da segunda fase da Sul-Americana.

- O Leo (Valencia) vem treinando muito forte desde quando cheguei. Teve oportunidade de entrar e entendi que entrou bem. Jogador de nível internacional, de nível de seleção. Está trabalhando muito duro. Merece essa oportunidade. Pode fazer um terceiro atacante pelo lado esquerdo ou quarto homem de meio campo. Boa finalização de média e longa distância. Tem minha confiança para começar e fazer uma boa partida - disse Barroca, antes de falar sobre o lateral:

- O Gilson jogou contra Bahia e Fortaleza. Vinha muito bem. Infelizmente, teve um desconforto na panturrilha. Não jogou contra o Fluminense e agora retoma. Jogador que tem muita experiência. De imposição física, também. Apostamos que possa dar conta também.

A equipe que Barroca escalará tem: Gatito, Fernando, Carli, Gabriel e Gilson; Cicero, João Paulo e Alex Santana; Léo Valência, Erik e Diego Souza.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade