0

Apoio a Bolsonaro cria atrito entre Ronaldinho e Barcelona

De acordo com imprensa espanhola, princípios defendidos pelo candidato a presidência são incompatíveis com os valores do clube

16 out 2018
10h30
atualizado às 11h05
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Pouco antes do primeiro turno das eleições presidenciais no Brasil, Ronaldinho Gaúcho publicou uma foto em suas redes sociais declarando apoio a Jair Bolsonaro. No entanto, o apoio do o ex-jogador do Barcelona ao candidato do PSL não foi bem visto pela alta cúpula do clube blaugrana que estuda diminuir a participação do brasileiro em eventos publicitários.

Ronaldinho pode perder o posto de embaixador do clube após apoio a Bolsonaro (AFP)
Ronaldinho pode perder o posto de embaixador do clube após apoio a Bolsonaro (AFP)
Foto: LANCE!

De acordo com o jornal 'Sport', o clube entende que os princípios defendidos por Bolsonaro não fazem parte dos valores da entidade, como a homofobia, misoginia e racismo, trouxe a nota. Ainda segundo a publicação, os espanhóis querem diminuir a ida de Ronaldinho até mesmo em eventos do próprio clube, visando desatrelar a imagem do clube a do atleta.

Hoje, Ronaldinho é o embaixador do Barcelona e representa o clube por todas as partes do mundo. Conforme a publicação do portal espanhol, o Barcelona não deseja se posicionar de maneira oficial sobre o assunto, mas acha incompatível o apoio a Bolsonaro ao que o clube prega. O brasileiro deve deixar de atuar até em amistosos festivos de ex-jogadores.

Assim como o ex-craque, Rivaldo, que também declarou publicamente apoio ao candidato do PSL, deve perder parte nos eventos oficiais do Barcelona. O 'Sport' diz que os blaugranas não vêem problema que os jogadores se posicionem politicamente, mas não querem ver o clube de alguma forma associado a posições totalitárias que ferem os direitos humanos.

Veja a publicação de Ronaldinho:

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade