0

Atlético-MG empata com o Sport e fica mais distante da liderança no BR

O Galo não conseguiu superar tática defensiva do time pernambucano e agora torce para que Flamengo e Internacional empatem para não abrir muita distãncia do alvinegro

24 out 2020
23h01
atualizado às 23h06
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Atlético-MG "tropeçou" mais uma vez em casa e não saiu do empate com o Sport-PE, 0 a 0, neste sábado, no Mineirão, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Galo teve muitas dificuldades em penetrar na defesa do Sport, que veio para BH com o intuito de empatar-(Pedro Souza / Agência Galo / Atlético)
O Galo teve muitas dificuldades em penetrar na defesa do Sport, que veio para BH com o intuito de empatar-(Pedro Souza / Agência Galo / Atlético)
Foto: Lance!

O time mineiro chegou aos 32 pontos em 17 partidas. O resultado pode "queimar" de vez a "gordura" alvinegra no Brasileiro, pois ficou a três pontos de distância de Internacional e Flamengo, que se enfrentam neste domingo, 25.

Caso haja um vencedor, a diferença de pontos será de cinco pontos e mesmo se o Galo vencer o seu jogo que ainda deve no campeonato, contra o Athletico-PR, não alcançará Inter ou Fla na ponta da classificação.

Já Sport, que não vencia há cinco jogos, conseguiu um ponto e se manteve na 11ª posição, com 21 pontos. O time de Jair Ventura teve força defensiva e conseguiu sair do Mineirão sem perder.

Nas últimas cinco partidas, o Atlético-MG marcou apenas cinco pontos em 15 disputados. Esse mal aproveitamento é a causa da queda do alvinegro na tabela de classificação do Brasileirão.

"Ferrolho" do Sport

A equipe mineira teve muitas dificuldades com o sistema de jogo do Sport, que veio com a missão de evitar o estilo agressivo do Atlético. O Leão estava no Mineirão apenas para não perder. O técnico Jair Ventura colocou apenas Thiago Neves e Leandro Barcia como articuladores de ataque dos pernambucanos.

Criação em baixa

O setor de criação do Galo não estava em boa noite. Nathan,Alan Franco, homens de meio de campo, não conseguiam articular boas jogadas. Eduardo Sasha não foi bem. Ele nem ajudou na armação do time, nem esteve presente na área. Apenas Keno e Savarino conseguiam criar algumas chances.

Estreia discreta de Zaracho

O meia Matías Zaracho foi acionado por Sampaoli, mesmo com pouco tempo de treinos e trabalho, mas a falta de ritmo, pois não jogava desde março, e o pouco entrosamento com os colegas de time pesaram no desempenho do jogador.

Perda de pontos que pode custar caro

O Galo perdeu pontos contra equipes em que era considerado favorito, casos de Fortaleza, Bahia , Fluminense e Sport. Agora, para se recolocar na briga direta pela liderança, terá de se recuperar diante de dois rivais diretos: Palmeiras e Flamengo, no fim do primeiro turno e início do segundo.

Próximos jogos

O Atlético-MG encara o Palmeiras na segunda-feira, 2 de novembro, às 17h, no Allianz Parque. Já o Sport terá pela frente o Athletico-PR no dia 1º de novembro, às 16h, na Ilha do Retiro.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 0 x 0 Sport-PE

Data-Horário: 24 de outubro, às 21h

Estádio-Local: Pituaçu- Salvador - (BA)

Árbitro:Paulo Roberto Alves Junior(PR)

Assistentes: Rafael Trombeta(PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos(PR)

VAR:Heber Roberto Lopes(SC)

Cartões amarelos: Jorge Sampaoli(ATL), Keno(ATL)

Cartões vermelhos:-

Atlético-MG:Everson; Guga, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Jair, Alan Franco(Zaracho, aos 21'-2ºT) e Nathan; Savarino, Keno e Eduardo Sasha(Marrony, aos 21'-2ºT). Técnico: Jorge Sampaoli

Sport-PE:Luan Polli; Patric, Rafael Thyere Adryelson, Raul Prata(Júnior Tavares, aos 18'-2ºT); Chico, Márcio Araújo(Ronaldo Henrique, aos 18'-2ºT), Ricardinho(Marcos Cerrato, aos 49'-2ºT), Lucas Mugni, Thiago Neves(Marquinhos, aos 28'-2ºT) e Leandro Barcia. Técnico: Jair Ventura

Veja também:

10 jogadores que levaram uma Copa do Mundo nas costas
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade