1 evento ao vivo

Aprovados contra o Avaí dão opções ao Vasco para a final do Carioca

Ricardo Graça suportou a pressão imposta pelos mandantes; Lucas Santos mostrou que altura não é problema; Yan Sasse foi decisivo, Pikachu mostrou versatilidade e Maxi voltou

11 abr 2019
07h44
atualizado às 07h44
  • separator
  • 1
  • comentários

É óbvio que a prioridade de Alberto Valentim era guiar o Vasco rumo à quarta fase da Copa do Brasil. E a despeito da crise que namorou os bastidores do clube - e que volta e meia ronda São Januário - a equipe cruz-maltina mostrou segurança, confiança e, se não foi tecnicamente brilhante contra o Avaí, houve, na Ressacada, uma prova importante para alguns atletas rumo à final do Campeonato Carioca.

Alberto Valentim promoveu opções diferentes na última quarta-feira (Eduardo Valente/Lancepress!)
Alberto Valentim promoveu opções diferentes na última quarta-feira (Eduardo Valente/Lancepress!)
Foto: Lance!

Ainda sem Leandro Castan e com Rossi também no departamento médico, as opções do treinador foram em linhas distintas: na defesa, pela manutenção de Ricardo Graça. No ataque, Yago Pikachu atuou na ponta direita - e não Yan Sasse, opção imediata e que fez gol no último jogo. Mais que isso, Lucas Santos atuou na articulação e Bruno César ficou no banco.

Dificilmente o grande meia da última Copa São Paulo começará jogando contra o Flamengo, no domingo. Contudo, se preciso for, o jogo da Ressacada foi um teste de fogo para ele. Marcação forte, duelos físicos... e os pequenos 1,64 metro de altura dele não foram problemas nem para atacar, nem para defender. Na primeira vez dele como titular do time principal.Taticamente, a equipe demorou a se encontrar e o lado esquerdo da defesa foi o mais pressionado pelo time da casa. Neste cenário, as intervenções de Ricardo honraram a substituição ao capitão. Se ausente também no Estádio Nilton Santos, este poderá confiar no suplente.

E teve mais: Yan Sasse, quando entrou em campo, foi decisivo mais uma vez; Maxi López, de volta e em melhor forma física aparente, também participou do gol. Em breve vai postular, novamente, a titularidade; e Yago Pikachu, atuando no setor de criação no segundo tempo - Lucas Santos ocupou a faixa no início da partida - mostrou que também é útil por ali. Minimiza a falta que Thiago Galhardo poderá fazer.

O treinador vai querer, naturalmente, contar com todos os atletas. Mas se não puder, o Avaí valorizou a utilização mais frequente, em breve, de outras opções.

Lance!
  • separator
  • 1
  • comentários
publicidade