PUBLICIDADE

Após cortes, Botafogo encerra atividades da categoria sub-18 do futebol feminino

Base do futebol feminino não sobrevive às demissões no Alvinegro e é acabada; jogadoras continuarão treinando por conta própria e até o time profissional corre risco no futuro

5 mai 2021 12h24
| atualizado às 12h28
ver comentários
Publicidade

O futebol feminino não passou ileso aos cortes e demissões no Botafogo. Os mais de 90 desligamentos no Alvinegro realizados na última terça-feira também afetaram a modalidade: com a política de cortar gastos, a categoria sub-18 teve as atividades encerradas.

Time sub-18 do Botafogo foi semifinalista do Carioca da categoria no ano passado (Foto: Talita Giudice)
Time sub-18 do Botafogo foi semifinalista do Carioca da categoria no ano passado (Foto: Talita Giudice)
Foto: Lance!

A comissão técnica da equipe foi desligada. As jogadoras continuarão treinando por conta própria, mas já não possuem nenhum compromisso oficial com o clube, que vai desistir das competições de base do futebol feminino. A informação foi dada primeiramente pela jornalista Débora Rocha e confirmada pelo LANCE!.

Até mesmo a categoria profissional corre riscos de ser encerrada, mas não por agora. A obrigatoriedade de ter uma equipe de futebol feminino é, por regra da CBF, apenas para as equipes que estão na Série A do Campeonato Brasileiro.

Caso o Botafogo não retorne para a primeira divisão nesta temporada, existe a chance das atividades da equipe feminina principal também serem encerradas no ano que vem. O fim não aconteceu em 2021 porque a equipe comandada por Gláucio Carvalho já estava com compromissos e inscritas nas competições estaduais e nacionais.

Em crise financeira por conta do rebaixamento e a queda nas receitas, o Botafogo tentou remodelar os setores internos para afogar a folha salarial mensal.

Lance!
Publicidade
Publicidade