0

Antony aproveita isolamento para responder aos fãs em rede social

Atacante do São Paulo abriu os stories de seu Instagram para conversar com torcedores na última sexta-feira e tocou em diversos temas diante desses dias de combate ao coronavírus

21 mar 2020
14h08
  • separator
  • 0
  • comentários

O isolamento doméstico provocado pelo combate à disseminação do coronavírus tem afastado os jogadores do São Paulo dos gramados, mas ao mesmo tempo tem dado mais tempo livre a eles para interagirem com seus fãs. Na última sexta-feira foi a vez de Antony utilizar seus stories no Instagram para responder perguntas de torcedores, que abordaram diversos temas, como a pandemia, os anos de Tricolor, a ida ao Ajax e ídolos são-paulinos.

Antony respondeu perguntas de seus fãs em rede social na última sexta-feira (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Antony respondeu perguntas de seus fãs em rede social na última sexta-feira (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Foto: Lance!

Consciente da situação no Brasil e no mundo em relação o vírus, o atacante por várias vezes tentou dar exemplo do que precisa ser feito neste momento. E apesar de sentir falta do futebol, está disposto a fazer tudo o que for possível para salvar vidas e preservar a saúde de toda a população. Confira o que o jovem tricolor falou sobre esses dias de isolamento necessário.O que você tem a dizer sobre o que vem acontecendo?

É algo realmente grave e as pessoas precisam ter consciência disso. É momento de ficar em casa o máximo possível. E mesmo em casa, se proteger e se cuidar. Só assim vamos superar essa pandemia.

Qual é a sua expectativa de o nosso futebol voltar?

Olha, meu pensamento agora é que a gente possa se proteger desse vírus, as pessoas se conscientizarem. Estou com saudades de jogar, mas o momento agora é de salvarmos vidas.

Em quanto tempo você acha que tudo isso vai acabar?

Espero que logo! Para isso, temos de seguir à risca todas as orientações que estamos vendo nos sites, nas TVs... É um período muito sério.

Onde você está as pessoas estão obedecendo a quarentena?

Estou em casa com a minha família e meu filho. Estamos tomando todas as precauções necessárias ficando em casa, seguindo o protocolo de higiene pessoal...

Como está o seu dia a dia com tudo isso?

Tivemos de mudar a nossa rotina e hábitos, né? Estou ficando em casa com a família, com meu filho. Tenho feito treinos em casa também, para não ficar parado totalmente. É o momento de nos resguardarmos.

Como tem se distraído nesses dias?

Muitos filmes, séries, vejo muitos noticiários também, é bom se manter informado do que está em nosso redor. Aproveitando muito meu filho também.

Os fãs não deixaram de questionar Antony sobre a sua carreira até aqui, principalmente a relação do atacante com o São Paulo, onde chegou com 11 anos de idade. Também foi abordada a expectativa do atleta para jogar no Ajax. seu destino a partir do meio desta temporada.

Como foram esse anos no São Paulo?

Os melhores da minha vida. Sempre fui torcedor de arquibancada do Morumbi, vários jogos... É uma honra vestir essa camisa. Eu amo esse clube!

Qual é a sensação de entrar no Morumbi lotado em noite de Libertadores?

Sensação inexplicável. Cresci vendo o São Paulo na Libertadores. É realmente uma ligação única. Morumbi + Libertadores é embaçado.

Preparado para ir para o Ajax?

O Ajax é um clube enorme na Europa e ofereceu um projeto ótimo. Fico honrado, de verdade. Minha cabeça está no São Paulo, clube que me deu tudo na vida e até eu ir embora vou tratar cada dia e jogo como uma forma de retribuir todo esse amor que sempre recebi.

Antony também foi perguntado sobre alguns de seus ídolos no clube, mas optou por não escolher e sim por elogiar dois dos grandes nomes da história recente são-paulina: Kaká e Lucas Moura. Além disso, tentou contar um pouco de como tem sido atuar com Daniel Alves, uma estrela do futebol mundial.

Qual é o seu maior ídolo? Kaká ou Lucas Moura?

Pô, aí me quebra (risos)! Dois grande ídolos, dois que vieram da base também, me identifico demais com eles. Certamente me espelho neles e quero repetir a história deles.

Qual é a sensação de jogar ao lado do Daniel Alves?

Daniel Alves é craque da bola! Referência e ídolo! Aprendo todos os dias com ele!

O São Paulo paralisou suas atividades por tempo indeterminado a fim de evitar a propagação da pandemia de coronavírus. Alguns jogadores têm treinado em suas casas, seguindo recomendações da comissão técnica, e outros têm utilizado o CT da Barra Funda, em atividades isoladas. Nenhum treinamento tem sido feito de forma coletiva. Todas as competições estão suspensas.

Veja também:

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade