0

Antes carente, zaga do Corinthians deve ter 'briga' por dupla com Gil

Bruno Méndez, Marllon e Jemerson são os nomes que concorrem a um lugar na equipe titular do Timão de Vagner Mancini. Próximas semanas devem definir o cenário na posição

27 nov 2020
09h01
atualizado às 09h01
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Não faz muito tempo e o Corinthians passou por um momento bem difícil para a escalação de zagueiros no time titular. Tirando Gil, absoluto na posição, apenas Bruno Méndez estava à disposição da comissão técnica quando Danilo Avelar sofreu grave lesão ligamentar no joelho. Agora, porém, a situação é outra e em breve a concorrência deve ser de três jogadores para uma vaga.

TABELA

As boas apresentações de Bruno Méndez contra o Grêmio e contra o Coritiba, são os fatos novos na cabeça de Vagner Mancini para escolher quem irá dividir a dupla de zaga com Gil. O uruguaio precisou emergencialmente suprir a expulsão de Marllon, contra o Tricolor gaúcho e substituiu o companheiro na titularidade contra o Coxa. Antes com poucas chances ele mostrou serviço.

- Sobre o Bruno Méndez, mais uma vez ele fez um bom jogo, óbvio que não dá para falar nada sobre o jogo de quarta-feira, temos sete dias daqui até lá, mas é um atleta que tem mostrado que tem totais condições de assumir a camisa, de jogar, até mesmo em outras funções, é um zagueiro extremamente aguerrido, que contagia os companheiros e isso é muito importante quando você tem dentro de uma equipe - elogiou Mancini após a vitória sobre o Coritiba.

A dúvida na cabeça do comandante corintiano se dá pelo fato da volta de Marllon, que cumpriu suspensão na última quarta-feira e já estará disponível novamente pra enfrentar o Fortaleza. Antes da lesão de Avelar, o zagueiro estava emprestado ao Cruzeiro, mas o Timão solicitou seu retorno de forma imediata, já que não havia nomes da posição para serem opção no banco.

Logo no segundo jogo em que foi relacionado, Marllon precisou entrar em campo, diante do Athletico-PR, para recompor a zaga e desde então não havia deixado a titularidade até ser suspenso. Coincidentemente, o camisa 25 ganhou a chance pela expulsão de Méndez, que deu uma cotovelada em Renato Kayzer. Esse lance, aliás, será julgado na próxima segunda-feira pelo STJD e pode render uma suspensão ao uruguaio no Campeonato Brasileiro.

No entanto, a briga não fica somente entre Bruno e Marllon, já que recentemente o Corinthians fechou a contratação de Jemerson, que chegou com status de "zagueiro de Seleção". Acontece que nas vésperas do que seria sua estreia, contra o Grêmio, ele foi diagnosticado com Covid-19 e de lá para cá está em quarentena até ser liberado pelo departamento médico do clube.

Em teoria, Jemerson seria aquele que formaria a dupla ideal de zaga ao lado de Gil, mas com as atuações dos colegas, o tempo que precisa para entrar em forma e o afastamento por conta do coronavírus, podem fazer com que Bruno Méndez e Marllon estejam, neste momento, com um passo à frente do ex-Monaco que, como dito acima, ainda não estreou com a camisa corintiana.

De uma forma ou de outra, fato é que o elenco ganhou opções e saiu de uma situação calamitosa para outra em que é possível escolher qual zagueiro será parceiro de Gil. O grupo ainda conta com Raul Gustavo, proveniente da base, que estava suspenso, depois se machucou e agora está novamente à disposição. Por enquanto, é uma dor de cabeça boa para Vagner Mancini.

Concorrência para parceiro de Gil (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Concorrência para parceiro de Gil (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Foto: Lance!

Veja também:

Técnicos estrangeiros que podem ser opções para times brasileiros
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade