PUBLICIDADE

Algoz do Brasil na Copa de 2006 revela sonho em treinar o Arsenal

Thierry Henry diz que está distante do cargo dos Gunners e que treinar o clube é uma utopia, mas admite conversar com Guardiola e Wenger para pegar dicas

8 mar 2021 13h43
ver comentários
Publicidade

Thierry Henry, algoz do Brasil na Copa de 2006 e um dos maiores jogadores da história do Arsenal, admitiu que tem o sonho de ser treinador dos Gunners. Em entrevista à revista "FourFourTwo", o ex-atacante revela que está longe do cargo, que ainda tem muito o que aprender como treinador, mas que já trabalha nisso e conversa com Arsene Wenger, seu ex-comandante em Londres.

Henry é um dos maiores nomes da história do Arsenal (Foto: JAVIER SORIANO / AFP)
Henry é um dos maiores nomes da história do Arsenal (Foto: JAVIER SORIANO / AFP)
Foto: Lance!

- Eu sou um torcedor do Arsenal. Se você me perguntar se um dia eu quero treinar o clube, então sim. Mas é uma utopia, estou longe disso. Eu estou aprendendo e focado no que posso controlar. Claro que falo com Guardiola e com Wenger sempre que o encontro. Agora, como treinador, quero saber das coisas.

O ex-atacante é o maior artilheiro da história do Arsenal com 228 gols marcados e é o principal nome da campanha do último título conquistado pelos Gunners na Premier League de forma invicta em 2003/2004. Aos 43 anos, Henry está desempregado após terminar seu vínculo com o Montreal Impact no último mês de fevereiro.

Lance!
Publicidade
Publicidade