2 eventos ao vivo

Al Duhail acena com R$ 42 milhões para levar Dudu por empréstimo

Clube do Qatar indicou que fará nesta segunda-feira uma oferta para ter o atacante por um ano e, em 2021, pagar mais 7 milhões de euros; nesses moldes, Palmeiras aceita negociar

5 jul 2020
22h03
atualizado às 22h03
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Al Duhail sinaliza que fará nesta segunda-feira uma proposta oficial para levar Dudu. Mas por empréstimo, em um modelo que, se chegar, deve ser aceito pelo Palmeiras. A negociação tende a ser concretizada com o clube do Qatar pagando 7 milhões de euros (quase R$ 42 milhões) para ter o jogador por um ano e, em 2021, desembolsar outros 7 milhões de euros para concluir a contratação em definitivo do atacante.

Dudu já reforçou seu desejo de ser negociado e saída pode ser concretizada nesta segunda-feira (Luis Moura/WPP)
Dudu já reforçou seu desejo de ser negociado e saída pode ser concretizada nesta segunda-feira (Luis Moura/WPP)
Foto: Lance!

Essa forma de pagamento foi indicada em reunião na sexta-feira, envolvendo Dudu, seus agentes, representantes da equipe asiática e dirigentes do Verdão. O camisa 7 reforçou seu desejo de ir embora e, assim, o Palmeiras relatou as condições que aceitaria. No dia seguinte, o Al Duhail sinalizou que fará a oferta por empréstimo, em um modelo bem similar ao de um parcelamento.Na proposta que o clube do Qatar indicou que fará, o pagamento dos 7 milhões de euros daqui um ano são quase obrigatórios. Há uma cláusula com metas não tão complicadas para Dudu cumprir nessa primeira temporada na Ásia. Por isso, a oferta é encarada como um parcelamento, até porque os estrangeiros não se mostraram tão dispostos a desembolsar altos valores neste momento - mas já abriram vaga para Dudu no elenco ao rescindir com Mandzukic.

O principal fator para a negociação concretizar é o desejo de Dudu sair. Em janeiro de 2019, o atacante renovou seu contrato até o final de 2023, mas gostou do que ouviu desde que abriu conversas com o Al Duhail, há mais de duas semanas. A princípio, chamou atenção o salário bem superior ao que recebe atualmente no Palmeiras, levando em conta já ter 28 anos de idade.

Do lado de Dudu, também vem sendo considerada a acusação de agressão à ex-mulher, Mallu Ohana, que, por meio de seus advogados, protocolou pedido para retenção de seu passaporte enquanto seguem as investigações. Por mais que aponte-se como improvável a solicitação ser aceita, é um obstáculo. Inegavelmente, a imagem do jogador se desgastou com a polêmica.

Enquanto a oferta não chega, Dudu segue a programação normal com o elenco, como ocorre desde quarta-feira, primeiro dia liberado para treinos técnicos. Antes, o clube aceitou a solicitação do jogador para trabalhar de manhã na Academia de Futebol, tendo a tarde livre para resolver problemas pessoais. Os relatos são de que o empenho do camisa 7 não mudou.

Dudu está no Palmeiras desde janeiro de 2015 e, frequentemente, foi alvo de equipes do exterior. No começo do ano passado, quando esteve especulado, mais uma vez, para jogar na China, recebeu aumento salarial e assinou contrato até o final de 2023. Recentemente, afirmou que queria se aposentar no clube, mas seu nome continua despertando interesse fora do Brasil.

O camisa 7 é o principal nome do elenco atual do Palmeiras. Conquistou a Copa do Brasil de 2015 e os Campeonatos Brasileiros de 2016 e 2018 no clube, sempre entre os protagonistas, e ostenta a marca de ser o artilheiro do clube no século, com 70 gols em 305 jogos, e é ainda quem mais deu assistências com a camisa alviverde desde 2001. Também acumula a liderança de ser quem mais jogou, balançou as redes e deu passe para gol no Allianz Parque.

Veja também:

Final do Paulistão e início do Brasileiro são os destaques do fim de semana
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade