0

Acusação de estupro contra Cristiano Ronaldo é retirada nos EUA

Segundo a 'Bloomberg', a denúncia feita contra o astro português, em 2018, sobre um suposto estupro em 2009 foi retirada. A agência não soube informar se houve um acordo

5 jun 2019
10h37
  • separator
  • 0
  • comentários

Em 2018, uma acusação de estupro contra Cristiano Ronaldo foi reaberta e um escândalo midiático foi criado ao redor do português. Segundo a 'Bloomberg', a denúncia foi retirada e a agência não soube informar se aconteceu um acordo financeiro entre o jogador e a mulher.

Cristiano Ronaldo foi acusado de estupro em 2018 (Foto: AFP)
Cristiano Ronaldo foi acusado de estupro em 2018 (Foto: AFP)
Foto: Lance!

O pedido de retirada da denúncia foi feito em maio junto à justiça do estado de Nevada, em Las Vegas, nos Estados Unidos. A 'Bloomberg' tentou entrar em contato com os advogados de Cristiano Ronaldo e Kathryn Mayorga, mas não obteve respostas.

O CASO
Kathryn Mayorga denunciou o jogador, em 2018, por conta de um suposto estupro feito em 13 de junho de 2009, no hotel Palms, em Las Vegas. Segundo a americana, CR7 tentou se proteger das investidas do português, mas não evitou a relação sexual. Cristiano Ronaldo negou todas as acusações.

INVESTIGAÇÕES
A polícia americana investigou o caso, que chegou a ter o envolvimento das autoridades italianas. O caso foi reaberto no ano passado por conta de um documento que CR7 teria feito para comprar o silêncio da americana. Ao contrário dos dois anos anteriores, a Juventus preferiu não realizar a sua pré-temporada nos Estados Unidos.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade