0

A carreira de Gazinskiy, autor do primeiro gol da Copa de 2018

O volante atualmente joga no Krasnodar e é uma das referências do clube que surgiu em 2008. O gol contra a Arábia Saudita foi o primeiro de sua carreira pela seleção russa

14 jun 2018
14h29
atualizado às 16h08
  • separator
  • comentários

Foram necessários apenas de 11 minutos para o primeiro gol da Copa do Mundo de 2018 sair. O volante Gazinskiy, de cabeça, após cruzamento de Golovin, abriu o placar da goleada de 5 a 0 da Rússia sobre a Arábia Saudita no jogo de abertura, nesta quinta-feira, no estádio Olímpico Lujniki. Na comemoração, alegria estampada no rosto do jogador, que teve o prazer de fazer o gol da primeira Copa que seu país sedia. Esse foi também o primeiro gol do jogador pela seleção. Cheryshev (2), Dzyuba e Golovin completaram o placar.

Gazinsky marcou o primeiro gol da Copa. Veja em imagens como foi Rússia x Arábia Saudita
Gazinsky marcou o primeiro gol da Copa. Veja em imagens como foi Rússia x Arábia Saudita
Foto: Marcelo Machado de Melo/Fotoarena/Lancepress! / LANCE!

O início

Yuri Gazinskiy tem 28 anos e começou a sua carreira no profissional pelo Luch-Energiya, tradicional clube da cidade de Vladivostkov, que atualmente disputa a Segunda Divisão do Campeonato Russo. Pelo clube do extremo-leste da parte asiática da Rússia, o volante disputou 54 jogos, marcou três gols e deu duas assistências.

Após boa passagem no Energiya, Gazinskiy se transferiu para o Torpedo Moscow, em 2012. O clube fica sediado em Moscou e conquistou três Campeonatos Soviéticos (1960, 1965 e 1976), além de uma Copa da Rússia (1993). É também conhecido pela passagem de Eduard Streltsov, entre a década de 50 e 60, conhecido pela alcunha de "Pelé russo". Pelo Torpedo, Gazinsky teve rápida passagem, jogou 30 jogos, marcou três gols e deu sete assistências.

Sucesso no Krasnodar

Em 2013, se transferiu para o Krasnodar, onde permanece até hoje e é uma das referências do time, junto com Smolov, atacante da seleção. Ao todo, disputou 176 jogos, marcou sete gols e deu 16 assistências. O bom desempenho no Krasnodar fez com que o volante fosse convocado pela seleção russa. Sua estreia foi em 2016 e, desde então, foram sete jogos disputados, contando com a partida de estreia da Copa do Mundo.

Na atual temporada, Gazinskiy participou de 31 jogos, fez dois gols e deu uma assistência. Foi um dos principais jogadores da boa campanha do Krasnodar na temporada, que terminou na quarta colocação do Campeonato Russo, com 54 pontos e garantiu a classificação para a Liga Europa.

Características

O volante se caracteriza pela sua marcação. Forte, teve média de duas interceptações por jogo nesta temporada. Além da boa presença defensiva, Gazinskiy consegue fazer bem a transição para o ataque, surgindo como elemento surpresa, além de ter bom posicionamento em campo, o jogador tem bom passe. Na atual temporada, tem uma média de 85% de acerto nas tentativas de passe e, em toda sua carreira, já deu 25 assistências para gol.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade