4 eventos ao vivo

Lance Stroll diz que Massa não foi seu mentor na Williams

4 fev 2018
14h16
  • separator
  • comentários

O piloto canadense da Fórmula 1 Lance Stroll minimizou a importância de ter o experiente brasileiro Felipe Massa como companheiro de escuderia e negou qualquer chance de Massa ter sido seu mentor em 2017.

"Eu não acho que tenha tido qualquer tipo de orientação dele no ano passado, ou coisa do tipo", disse o piloto de 19 anos de acordo com o site Motorsport.com, fazendo referência ao agora aposentado Felipe Massa, vencedor de 11 corridas com a Ferrari e vice-campeão de 2008.

"Ele era um companheiro de equipe como qualquer outro. Estava ocupado tentando dirigir o mais rápido que podia, e eu estava tentando dirigir o mais rápido que pudesse. Era isso. Não havia nada mais do que isso", acrescentou.

"Eu não sei por que as pessoas acreditam que havia ali um papel de treinador ou mentor. Não havia, era apenas ele fazendo seu trabalho e eu fazendo o meu, e o melhor de nós dois terminava na frente."

Massa se aposentou aos 36 anos no final do ano passado e foi substituído pelo novato russo Sergey Sirotkin, de 22 anos, no que agora será a dupla mais jovem no grid de largada da F1.

O brasileiro, que chegou a comparar a situação na Williams com seu período na Ferrari aprendendo com Michael Schumacher, respondeu no Twitter com um link para a reportagem e as palavras: "Melhor não comentar".

Lance Stroll, que em 2017 se tornou o piloto mais novo (18 anos) a terminar no pódio com o terceiro lugar no Azerbaijão, reconheceu, no entanto, que a experiência de Massa havia sido útil para melhorar o carro do ano passado.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade