PUBLICIDADE

LA Rams silencia torcida dos Bucs e frustra (possível) aposentadoria perfeita de Tom Brady

Mais laureado quarterback da história, rumores de aposentadoria de Brady pipocaram nos últimos dias na imprensa americana

23 jan 2022 20h50
ver comentários
Publicidade

O Los Angeles Rams foi até à Flórida e não tomou conhecimento dos donos da casa. Com um potente ataque e uma defesa sufocante, os californianos derrotaram o Tampa Bay Buccaneers, xx a xx, neste domingo (23), no Raymond James Stadium, pelo Divisional Round dos playoffs da NFL.

Cooper Kupp foi imparável em mais uma tarde na NFL (Los Angeles Rams)
Cooper Kupp foi imparável em mais uma tarde na NFL (Los Angeles Rams)
Foto: Lance!

A vitória, porém, não veio sem sustos. Após um primeiro tempo dominante, a equipe deu tiros no pé em sequência, permitindo a reação dos Bucs e sofrendo muito mais que o necessário. No final, Stafford conduziu campanha perfeita até as 12 jardas do campo ofensivo e Matt Gay deu o triunfo aos angelinos.

Com o triunfo, os Rams garantem um lugar na decisão da Conferência NFC contra o adversário da NFC West San Francisco 49ers, na próxima semana. No clássico divisional, os dois rivais vão decidir uma vaga no Super Bowl, que será disputado em Los Angeles, no SoFi Stadium, casa dos Rams.

De quebra, com a vitória fora de casa, os angelinos colocaram fim ao sonho de uma possível aposentadoria perfeita de Tom Brady. Nos últimos dias aumentaram os rumores de uma possível despedida do vitorioso quarterback. Brady não teria dado nenhuma garantia à direção dos Bucs de que retornaria para a próxima temporada.

O JOGO

O plano de jogo de Los Angeles foi simplesmente um primor e executado com maestria pelos três setores - ataque, defesa e special teams - nos 30 primeiros minutos. Os Rams foram dominantes desde o primeiro snap e amassaram os Bucs no primeiro tempo. E poderiam até ter uma vitória mais tranquila, não fossem alguns erros infantis no segundo tempo, como três fumbles e um field goal errado, dando chance preciosa de recuperação ao talentoso Tampa Bay. Ao final, entretanto, um drive perfeito, com Cooper Kupp e Matthew Stafford doutrinando e os Rams ficaram com o triunfo com um field goal decisivo.

Matthew Stafford teve uma de boa exibição, apesar de alguns erros no segundo tempo. O quarterback passou para 366 jardas, completando 28 passes em 38 tentativas, além de um TD anotado com as pernas. O camisa 9 sofreu um fumble no quarto período, porém conectou para dois touchdowns, sendo um deles em uma big play para Cooper Kupp. O melhor wide receiver da temporada regular e candidato ao prêmio de MVP, Kupp teve mais uma partida excelente: 9 recepções para 183 jardas e um touchdown, apesar de um fumble sofrido no fim do terceiro período. Companheiro de posição de Kupp, Odell Beckham Jr também brilhou com 69 jardas recebidas.

Na defesa, o destaque fica por conta dos turnovers forçados. O safety Nick Scott, que teve excelente jornada, interceptou um passe na direção de Rob Gronkowski e Von Miller forçou fumble em Brady no quarto período.

Tom Brady encerrou sua participação nos playoffs com 329 jardas passadas, uma interceptação, um fumble sofrido e um touchdown. O camisa 12 completou 30 passes em 54 tentativas. Seu principal alvo foi Mike Evans, com 8 recepções, 119 jardas recebidas e um TD. Leonard Fournette anotou os outros dois touchdowns de Tampa na partida, ambos em corridas já nas últimas dez jardas do campo. A ótima defesa dos Bucs forçou quatro fumbles na partida, um deles evitando pontuação ao final do primeiro tempo e outros três já no campo ofensivo, dando boas posições de campo a Brady e o ataque de Tampa, que saíram com dois touchdowns após a recuperação de bola.

Agora, a franquia e a cidade de Tampa voltam todas suas atenções para o futuro de Tom Brady. Será que o astro do futebol americano retorna para a próxima temporada e tenta guiar os Bucs a mais um Super Bowl? Ou será que o futuro da lenda do esporte será curtir a aposentadoria ao lado de Gisele Bundchen e seus filhos?

Lance!
Publicidade
Publicidade