2 eventos ao vivo
Logo do Jogos Pan-Americanos
Foto: terra

Jogos Pan-Americanos

Seleção feminina goleia Colômbia e conquista tri em Jogos Pan-Americanos

25 jul 2015
21h32
  • separator
  • 0
  • comentários

Se a seleção masculina de futebol ficou com o bronze nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, coube a equipe feminina conquistar a medalha de ouro para o Brasil na competição. Com gols de Formiga, Maurine e Andressa Alves, as brasileiras derrotaram a Colômbia por 3 a 0, neste sábado, e faturaram o tricampeonato no torneio. O bronze da categoria ficou com o México, que venceu o Canadá por 2 a 1.

Sob o comando de Vadão, a seleção conquistou o ouro após uma campanha invicta no torneio. Pela fase de grupos derrotou Canadá, Costa Rica e Equador. Na semifinal, venceu o México. Além da conquista no Canadá, a Seleção levou o título em Santo Domingo 2003, e no Rio de Janeiro, em 2007. No Pan de Guadalajara, em 2011, terminou como vice-campeã.

O título foi conquistado sem que a estrela da equipe, Marta, estivesse presente em campo. A camisa 10 precisou se reapresentar ao seu time na Suécia após a Copa do Mundo feminina e foi substituída por Raquel na equipe. Já a faixa de capitã foi passada para a veterana Formiga, que aos 37 anos afirmou disputar seu último Pan. Com 20 anos de seleção, a jogadora indicou que deve se aposentar dos gramados após os Jogos Olímpicos de 2016.

Brasil sai na frente e controla partida diante da Colômbia

A seleção começou atacando, com Cristiane buscando Raquel na grande área. A arbitragem logo marcou impedimento e o lance foi anulado. Mas aos 6 minutos, após cobrança de falta, a capitã Formiga aproveitou o cruzamento para abrir o placar para o Brasil de cabeça. Pouco depois, Raquel ainda arriscou vindo pelo lado esquerdo, mas mandou bola por cima do travessão.

A Colômbia tentou a reação com Ariza, aumentando a marcação e pressionando a saída de bola brasileira, que se manteve na área adversária. Andressinha arriscou, e goleira adversária defendeu bem. A seleção controlou bem a partida até o fim da etapa sem ser muito ameaçada pelas adversárias, que não conseguiram criar muitas chances no contra-ataque.

Na volta do intervalo, a Colômbia voltou com duas alterações na equipe. A goleira Sandra Sepúlveda precisou ser substituída por Paula Forero, enquanto a atacante Ariza saiu para a entrada de Usme. Logo de início, Andressa Alves cobrou uma falta e, no rebote da defesa da arqueira Érika acabou mandando a bola por cima do gol. Pouco depois foi a vez de Ospina atacar pela Colômbia, em chute de fora da área. Mas Bárbara defendeu bem. Bem posicionada na área, Cristiane ainda tentou anotar o segundo, mas cabeceou para fora.

Aos 25 minutos, Cristiane sofreu uma falta próxima da grande área. Na cobrança, Andressinha acertou o travessão da Colômbia. Na sequência, Maurine substituiu a jogadora e marcou um gol olímpico para o Brasil. Aos 40, Andressa Alves aproveitou um passe de Fabiana da ponta da área e marcou o terceiro brasileiro. A bola ainda tocou no pé de uma jogadora da Colômbia antes de entrar. Já na prorrogação, aos 47, Fabiana arriscou de fora da área e mandou a bola curva para o fundo da rede, decreteando a vitória brasileira com goleada.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade