0
Logo do Jogos Pan-Americanos
Foto: terra

Jogos Pan-Americanos

Hugo Calderano vence final brasileira, leva ouro e garante vaga olímpica

25 jul 2015
23h35
  • separator
  • comentários

Já campeão entre as equipes, o time masculino de tênis de mesa do Brasil mostrou seu domínio ao emplacar dois representantes na final. E, no início da noite deste domingo, Hugo Calderano (76º no ranking mundial) bateu o compatriota Gustavo Tsuboi (55º) por 4 a 3, com parciais de 11/6, 6/11, 4/11, 11/7, 13/11, 9/11 e 11/2, para faturar a medalha de ouro, sua primeira no individual, além de garantir vaga nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

O jovem fenômeno, de apenas 19 anos, levou apenas sua segunda medalha pan-americana, após a conquista do ouro por equipes em Toronto. Gustavo Tsuboi, por outro lado, já havia faturado dois ouros com o time brasileiro, no Rio de Janeiro (2007) e em Guadalajara (2011), além de prata nas duplas em Santo Domingo (2003).

Esta foi a terceira final brasileira da história dos Jogos Pan-Americanos. Em Havana (1991) e Mar del Plata (1995), Hugo Hoyama enfrentou Claudio Kano na decisão e, em ambas as oportunidades, ficou com a medalha de ouro.

Hugo Calderano teve campanha impressionante na competição. Avançou como líder invicto do grupo C, sem perder um set sequer, e, em seguida, despachou o argentino Gaston Alto nas oitavas de final por 4 sets a 1, mesmo placar pelo qual venceu o equatoriano Alberto Mino nas quartas. Na semifinal, teve parada dura diante do canadense Eugene Wang, mas fez 4 sets a 3 para se classificar à decisão.

Já Tsuboi, para chegar à final ainda precisou superar um compatriota na semi: Thiago Monteiro, que ficou com o bronze. Os dois fizeram duelo duro, vencido pelo vice-campeão pan-americano por 4 sets a 3. Antes, o 55º no ranking mundial havia se classificado como líder invicto do grupo A, despachado o cubano Jorge Campos nas oitavas de final e vencido o canadense Pierre-Luc Theriault nas quartas.

Assim, o time brasileiro encerra as disputas do Pan-Americano de Toronto levando sete medalhas na bagagem. Entre as mulheres, a equipe feminina levou prata inédita, mesmo resultado obtido por Lin Gui no individual, além de bronze para Caroline Kumahara. Já a equipe masculina garantiu ouro atuando junta, e, no individual, ocupou os três lugares do pódio.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade