PUBLICIDADE

Pepê Gonçalves recebe três punições na semifinal do K-1 e se despede dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Na canoagem slalom o brasileiro preferiu arriscar e até teria boa colocação, não fossem as faltas

30 jul 2021 04h04
ver comentários
Publicidade

Não haverá representante brasileiro na final da canoagem slalom K-1 nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Pedro Gonçalves, o Pepê, levou três penalidades na prova e acabou ficando em 19ª e penúltimo lugar. A semifinal aconteceu na madrugada desta sexta-feira (30). O canoísta conseguiu o tempo de 104s33 e não pôde avançar.

Pedro Gonçalves ficou muito para trás por conta das faltas (Foto: MIRIAM JESKE / COB)
Pedro Gonçalves ficou muito para trás por conta das faltas (Foto: MIRIAM JESKE / COB)
Foto: Lance!

Pepê não começou com um bom desempenho, fez uma descida ruim e recebeu duas punições. Só que, após a prova, foi confirmado em vídeo que ele ainda precisava receber mais uma falta. O único que ficou atrás do brasileiro foi o russo Pavel Eigel. E o campeão da prova foi o Jiří Prskavec, da República Tcheca, que atingiu a marca de 94s29.

Sua colega de delegação Ana Sátila também ficou para trás por conta de penalidades, mas na final do C-1 feminino. Ela ficou em 10º e último lugar, mas sem as punições a canoísta ainda conseguiria alcançar a quarta posição. No caso de Pepê, se não fossem pelas faltas, ele conseguiria se classificar com o nono lugar, já que teria marcado o tempo de 98s33.

CONFIRA ABAIXO O QUADRO DE MEDALHAS ATUALIZADO

Lance!
Publicidade
Publicidade