PUBLICIDADE

Ítalo volta ao Brasil como primeiro campeão olímpico do surfe e já quer surfar

29 jul 2021 17h14
ver comentários
Publicidade

Ítalo Ferreira estava tão ansioso para voltar ao Brasil como primeiro campeão olímpico do surfe e encontrar os amigos e a família que não dormiu durante o voo de 13 horas, e agora que voltou para casa já sabe uma das primeiras coisas que deseja fazer: surfar.

Ítalo Ferreira mostra medalha de ouro na chegada ao Brasil
 29/7/ 2021   REUTERS/Carla Carniel
Ítalo Ferreira mostra medalha de ouro na chegada ao Brasil 29/7/ 2021 REUTERS/Carla Carniel
Foto: Reuters

O surfista de 27 anos desembarcou nesta quinta-feira em Guarulhos (SP) em escala de voo para o Rio Grande do Norte, onde mora com a família na cidade de Baía Formosa, dois dias após conquistar a medalha de ouro na estreia do surfe em Jogos Olímpicos, no Japão.

"Essa é a melhor parte, agora é festejar com meus amigos, minha família, e já tenho que começar a treinar de novo, porque já tem disputa do Mundial em breve", disse o surfista a repórteres no aeroporto.

Campeão mundial da modalidade em 2019, Ítalo atualmente é vice-líder do ranking, atrás do compatriota Gabriel Medina, que terminou em quarto lugar nos Jogos Olímpicos. A próxima etapa do Mundial será no México, a partir de 10 de agosto.

"Amanhã vou estar na água, quando chegar em casa vou surfar com meus amigos e começar a treinar novamente", afirmou.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade