0

Câmara aprova pensão vitalícia para Laís Souza

2 jul 2014
16h39
  • separator
  • 0
  • comentários

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira um projeto de lei que concede pensão especial para a atleta olímpica Laís Souza, que sofreu acidente quando se preparava para as Olimpíadas de Inverno de Sochi, na Rússia. O projeto, que ainda precisa passar pelo Senado, estipula um salário vitalício no valor atual de R$ 4.390,24.

<p>Ginasta perdeu movimentos após acidente em treino para as Olimpíadas de Inverno</p>
Ginasta perdeu movimentos após acidente em treino para as Olimpíadas de Inverno
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

Em janeiro, Laís treinava para a modalidade esqui aéreo em Salt Lake City, nos Estados Unidos, quando se chocou contra uma árvore no percurso. Ela perdeu o movimento das pernas e dos braços.

“Considerando que a indenização do contrato de seguro cobre as despesas mais urgentes, relacionadas a tratamento médico e hospitalar, resta, ainda, a obtenção de uma fonte permanente de subsistência, suficiente para auxiliar a atleta a conviver com sua nova realidade”, diz o projeto de lei, assinado pelos deputados Mara Gabrilli (PSDB-SP) e Rubens Bueno (PPS-PR).

De acordo com o texto do projeto, aprovado de forma simbólica, a pensão seguirá a mesma regra aplicada aos campeões das Copas do Mundo de 1958, 1962 e 1970. O valor sairia do orçamento das indenizações e pensões de responsabilidade da União.

O projeto dos oposicionistas cita outras pensões concedidas por meio de lei e diz que o valor pode ser “facilmente” acomodado no Orçamento “haja vista, por exemplo, os vultosos dispêndios com verbas publicitárias realizadas pelo governo federal”.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade