1 evento ao vivo

Suécia e Canadá avançam à final do torneio feminino de curling

25 fev 2010
16h46
atualizado às 19h00

A Suécia venceu a China por 9 a 4 nesta quinta-feira e garantiu uma vaga na final do torneio feminino de curling, na qual tentará o bicampeonato olímpico. Contudo, para ficar ficar com o ouro nos Jogos de Inverno de Vancouver, as suecas terão que vencer o time da casa, o Canadá, algoz da Suíça por 6 a 5.

A Suécia não tomou conhecimento da China e marcou três pontos logo nas três primeiras rodadas. As chinesas descontaram, mas as suecas ampliaram a vantagem com uma jogada de três pontos no quinto end.

As chinesas esboçaram uma reação, mas a Suécia marcou três pontos na oitava rodada. Assim, a China marcou mais um ponto no nono end e entregou o jogo.

Já o Canadá teve bem mais dificuldades para chegar à final. As canadenses até saíram na frente, mas tiveram uma partida dura contra as suíças.

As canadenses chegaram à rodada final com dois pontos de vantagem. Assim, a Suíça precisava de uma jogada de dois pontos. Na última tentativa, as suíças conseguiram tirar a pedra adversária, mas marcaram apenas um ponto - para festa das donas da casa.

Nesta sexta-feira, China e Suíça disputam o bronze às 14h (de Brasília). Mais tarde, às 19h (de Brasília), Suécia e Canadá lutam pelo ouro no curling.

Entenda a prova de curling dos Jogos de Inverno

Espécie de "bocha no gelo", o curling foi modalidade olímpica em 1924 mas depois só voltou ao programa em 1998, com provas masculinas e femininas que são disputadas em uma pista regular de gelo por times formados por quatro jogadores.

O objetivo do esporte é deixar as bolas que pesam cerca de 19 kg o mais perto possível de um círculo localizado no centro da pista (quanto mais próximo, mais pontos). Cada partida tem 10 "finais". Durante elas, os jogadores fazem as pedras deslizarem pelo gelo esfregando a superfície para controlar suas direções.

Jogos Olímpicos de Inverno no Terra

O Terra transmite ao vivo a competição em 15 canais simultâneos de vídeo. Além disso, os usuários têm a possibilidade de assistir novamente a todo o conteúdo a qualquer momento. Todo o acesso é gratuito.

Uma equipe de 60 profissionais está encarregada de fazer a cobertura direto de Vancouver e dos estúdios do Terra, em São Paulo, no Brasil, com as últimas notícias, fotos, curiosidades, resultados e bastidores da competição.

A equipe conta com a participação do repórter especialista em esportes radicais Formiga - com 20 anos de experiência em modalidades de neve -, e o pentacampeão mundial de skate Sandro Dias, que comenta a competição em seu blog no Terra.

No celular
wap: wap.terra.com.br
Iphone e smartphones: m.terra.com.br/vancouver

Sandro Dias vira "talismã" canadense no hóquei; veja
Fonte: Terra
publicidade