PUBLICIDADE
Logo do

Internacional

Favoritar Time

Presidente do Inter revela bastidores e endossa posição de Edenílson em suposta injúria racial de Rafael Ramos

14 mai 2022 23h44
ver comentários
Publicidade

O presidente do Internacional, Alessandro Barcellos, se pronunciou sobre o episódio de uma suposta injúria racial relata por Edenílson na partida contra o Corinthians, neste sábado. O meia do Colorado relatou ter sido chamado de macaco pelo lateral Rafael Ramos.

Revalando detalhes dos bastidores, o dirigente afirmou que houve o diálogo entre os dois, mas que Edenílson decidiu abrir boletim de ocorrência após Rafael negar, durante a conversa, tê-lo ofendido.

"Isso, inclusive, está no depoimento do Edenílson. O Edenílson manifestou o interesse de conversar com o atleta para que tivesse a oportunidade, naquele momento, de ele se retratar, mesmo que internamente, olho no olho. Infelizmente, o atleta nega que tenha falado e o Edenílson, diante disso, tomou a decisão, então, de fazer esta denúncia, esta ocorrência, para que esses fatos não se repitam", contou.

O presidente do clube afastou a possibilidade de ser uma denúncia falsa e afirmou confiar na versão do meia.

"A gente tem confiança que o Edenílson, pela sua história, pela sua trajetória, pela pessoa que é, jamais faria desse episódio diferente do que realmente ele está relatando. Então, é lamentável isso, que fique como um momento que a gente apague da história do futebol e que a gente possa tirar daí lições tão importantes para que a gente possa ter um esporte sem preconceito", comentou o presidente.

Alessandro Barcellos deu detalhes, ainda, do andamento da denúncia e afirmou que o caso já está nas mãos da polícia.

"Eu não sei agora quais são os próximos procedimentos. O delegado está ouvindo, inclusive o árbitro da partida deve escutar, também, o atleta e tomar a decisão que cabe nesse momento à autoridade policial. Também temos, aqui no estádio, o juizado e não sei se isso também vai ser acionado", revelou.

O dirigente relatou, também, como ficou Edenílson após o episódio e afirmou que o atleta já saiu do estádio.

"O Edenílson está bastante chateado, muito incomodado com isso. Não tenho palavras para explicar, saiu daqui de cabeça baixa, triste com o episódio, que também não gostaria de estar envolvido em um tema como este, tenho certeza, conheço o Edenílson. Mas o fato é que agora as versões ficam sendo ditas e eu vou confiar no Edenílson", concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade