PUBLICIDADE
Logo do

Guarani

Favoritar Time

Marcelo Chamusca não é mais treinador do Guarani

Clube de Campinas anunciou a saída do comandante, além de mais três nomes da comissão técnica

25 jun 2022 - 20h07
Ver comentários
Publicidade

Na tarde deste sábado (25), o Guarani, através de um comunicado em suas redes sociais, anunciou o desligamento do técnico Marcelo Chamusca. Essa foi a segunda passagem do comandante ao clube, sendo a primeira em 2016, quando conquistou o acesso à Série B na ocasião.

(Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC)
(Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC)
Foto: Lance!

Além dele, o auxiliar Caio Autuori, o preparador de goleiros Silvano Austrália e o superintendente de futebol Michel Alves, também foram desligados. Agradecendo o empenho dos profissionais pela dedicação, a equipe desejou sucesso a todos na sequência da carreira.

O Bugre, de fato, não vive uma boa fase na temporada. Com a derrota para o Londrina na última sexta-feira, o time seguiu no Z4 da competição nacional, mais precisamente 13ª colocação, com apenas 13 pontos somados.

Confira abaixo o comunicado:

"O Guarani definiu neste sábado (25) mudanças em sua comissão técnica e departamento de futebol para a sequência da temporada. O clube anuncia os desligamentos do técnico Marcelo Chamusca, do auxiliar Caio Autuori e do preparador de goleiros Silvano Austrália. Também deixa o clube o superintendente de futebol Michel Alves.

Após acesso com o Bugre em 2016, Marcelo Chamusca retornou ao clube acompanhado de Caio Autuori para sua segunda passagem e dirigiu o time em seis partidas, enquanto Silvano Austrália estava na equipe desde fevereiro do ano passado.

Já Michel Alves foi o responsável por comandar o departamento de futebol bugrino durante as últimas três temporadas, promovendo uma evolução administrativa e estrutural em setores importantes do clube.

O Guarani agradece o empenho apresentado pelos profissionais durante todo o tempo em que representaram a instituição e deseja sorte e sucesso na sequência da carreira.

A partir de agora, o Conselho de Administração trabalha na busca de novos nomes para os cargos vagos na comissão técnica e na superintendência de futebol".

Lance!
Publicidade
Publicidade