0

Guarani se segura na defesa e arranca empate com o Paraná em Curitiba

Com o resultado, time de Campinas continua no meio da tabela de classificação, com cinco pontos, contra seis do clube paranaense

18 mai 2019
23h16
atualizado às 23h16
  • separator
  • comentários

O Guarani foi até Curitiba e arrancou um empate sem gols diante do Paraná, neste sábado, no Estádio Durival Britto, pela quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time paranaense pressionou, mas parou na forte marcação na defesa da equipe campineira e nas boas defesas do goleiro Giovanni, um dos destaque do duelo.

Com o resultado, o Guarani continua no meio da tabela de classificação, com cinco pontos, contra seis do Paraná, que desperdiçou grande oportunidade de se aproximar dos líderes do torneio.

O Paraná aproveitou o fator casa para pressionar o Guarani e não demorou para desperdiçar grande oportunidade de abrir o placar. Logo aos três minutos, Alesson recebeu pela direita e cruzou. Ramon deixou o goleiro Giovanni para trás, mas se desequilibrou e acabou chutando para fora.

O Guarani respondeu aos 11. Matheusinho cruzou, a bola desviou em Rodolfo, e enganou o goleiro Thiago Rodrigues. Éder Sciola tirou em cima da linha. Diego Cardoso ainda pegou o rebote, mas não conseguiu finalizar. O goleiro da equipe campineira se recuperou para fazer a defesa.

Após o início movimentado, a partida acabou caindo de produção e foi ganhar em emoção apenas no fim da primeira etapa. Aos 40 minutos, Ramon mandou a bola para a área e Giovanni chegou socando. A bola voltou para Matheus Anjos. Ele tentou surpreender o goleiro, que estava caído, mas errou o alvo.

O Paraná voltou ainda melhor para o segundo tempo. Matheus Anjo acionou Ramon. Ele arriscou o chute, mas parou em Giovanni. O goleiro do Guarani fez uma sequência de boas defesas para impedir que o time da casa abrisse o marcador.

Com uma tática mais cautelosa, o Guarani começou a mostrar certa satisfação com o resultado e recuou sua marcação, chamando o Paraná para seu campo defensivo. O time da casa, então, foi para cima. Aos 36 minutos, João Pedro deu belo cruzamento para Guilherme Santos, que ajeitou para Itaqui na marca do pênalti. O volante isolou.

Nos minutos finais, o Paraná cansou e deu espaço para o Guarani, que enfim criou uma oportunidade no segundo tempo. Deivid Souza recebeu dentro da área, mas chutou fraco, nas mãos de Thiago Rodrigues.

Na próxima rodada, o Guarani enfrentará o Criciúma na terça-feira, às 19h15, no Estádio Heriberto Hülse. No sábado, o Paraná visitará a Ponte Preta, às 16h30, no Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ 0 X 0 GUARANI

PARANÁ - Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Rodolfo, Eduardo Bauermann e Guilherme Santos; Itaqui, Luiz Otávio, Alesson (João Pedro) e Matheus Anjos (Rodrigo Carioca); Jenison e Ramon (Caio Rangel). Técnico: Matheus Costa.

GUARANI - Giovanni; Lenon, Ferreira, Xandão e Inácio; Deivid, Ricardinho e Arthur (Felipe Amorim); Mateusinho (Deivid Souza), Diego Cardoso e Eder Luis (Fernando Viana). Técnico: Vinícius Eutrópio.

ÁRBITRO - Jefferson Ferreira de Moraes (GO).

CARTÕES AMARELOS - Rodolfo, Rodrigo Carioca e Luiz Otávio (Paraná); Deivid (Guarani).

RENDA - R$ 107.980,00.

PÚBLICO - 4.600 pagantes.

LOCAL - Estádio Durival Britto, em Curitiba (PR).

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade