PUBLICIDADE
Logo do Grêmio

Grêmio

Favoritar Time

Renato Gaúcho e Diego Costa se juntam aos treinos do Grêmio em SP

Após três dias de trabalhos, técnico toma a frente do comando das atividades na capital paulista. Clube aguarda apenas Villasanti

20 mai 2024 - 22h54
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Luis Eduardo Muniz / Grêmio FBPA - Legenda: Treino do Grêmio no CT Joaquim Grava, do Corinthians / Jogada10

O Grêmio contou com dois reforços de peso nesta segunda-feira (20). Afinal, o técnico Renato Gaúcho e o atacante Diego Costa se apresentaram na concentração tricolor, em Guarulhos, para integrar o grupo que segue com treinos no CT do Corinthians. Ambos tiveram liberação nos primeiros dias de atividades por conta de questões particulares.

O volante Villasanti, aliás, se enquadra na mesma situação e é esperado nesta terça-feira no Centro de Treinamento Joaquim Grava.

As atividades iniciais, portanto, tiveram o comando do preparador Mário Pereira, que deu ênfase ao aspecto físico. Nesta tarde, já com Renato presente, o foco foi na questão técnica. O treinador, portanto, dividiu o elenco em três times e promoveu trabalho em campo reduzido com limite de toques na bola.

O Tricolor gaúcho adotou São Paulo como sede provisória na última quinta (17)  em razão da tragédia climática que castiga o Rio Grande do Sul. Houve, até o momento, seis treinamentos, ainda que, devido aos obstáculos na malha aérea atletas, jogadores como Kannemann, Rodrigo Ely, Lucas Bessozi e Felipe Carballo somente tenham conseguido chegar a São Paulo no fim de semana.

Grêmio segue na capital paulista até domingo

A estadia em São Paulo se dará até o próximo domingo (26), quando a delegação segue viagem para Curitiba, onde joga contra o The Strongest-BOL, no dia 29, pela fase de grupos da Libertadores. Até lá, a direção acredita que já terá um posicionamento da CBF em relação ao local onde ocorrerá a partida seguinte, frente ao Botafogo, em 1º de junho.

Sem condições de usar sua Arena para este jogo, o Grêmio propôs ao clube carioca uma inversão do mando, o que já foi aceito e está apenas no aguardo do aval da Confederação para a devida oficialização.

Desse modo, a delegação viajaria de Curitiba para o Rio de Janeiro e, apoós enfrentar o Botafogo, seguir para Talcahuano, no Chile, onde visita o Huachipato, em 4 de junho. Quatro dias depois, o adversário será o Estudiantes mais uma vez em Curitiba.

Posteriormente ao duelo diante dos argentinos, haverá, portanto, a definição de uma nova sede temporária e a respectiva logística. Tanto o CT Luiz Carvalho quanto a Arena do Grêmio, ainda alagados, não têm condições de uso.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade