1 evento ao vivo

Gripado, Éverton não viaja para o Chile e aumenta lista de desfalques do Grêmio

Equipe de Renato Gaúcho encara a Universidad Católica nesta quarta-feira, às 21h30, pela Libertadores

15 set 2020
19h59
atualizado às 19h59
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Com gripe, o meia-atacante Éverton não viajou junto com a delegação do Grêmio para Santiago, no Chile, onde a equipe gaúcha enfrenta a Universidad Católica nesta quarta-feira, às 21h30, pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores. Com isso, a lista de desfalques para a partida ficou ainda maior.

A delegação gremista chegou à capital chilena no início da tarde desta terça-feira, dia em que o clube comemora 117 anos de história. O time gaúcho soma quatro pontos e ocupa a vice-liderança do Grupo E da Libertadores, atrás do arquirrival Internacional.

O time do técnico Renato Gaúcho passará por exames de detecção do coronavírus e faz nesta terça-feira o último treinamento antes do duelo. A partida será disputada no estádio San Carlos de Apoquindo.

Além de Éverton, com sintomas de gripe, os outros principais desfalques são: o volante Maicon, com uma lesão muscular grau 1 no músculo posterior da coxa direita, o zagueiro Kannemann e o meio-campista Jean Pyerre, que realizam trabalhos físicos e de fisioterapia, e o lateral Victor Ferraz e o atacante Pepê, dupla que permaneceu em Porto Alegre para aprimorar a parte física.

Fora as lesões, há a baixa do zagueiro Paulo Miranda, suspenso por quatro jogos pela briga no Gre-Nal que terminou 0 a 0, no dia 12 de março, pela segunda rodada da fase de grupos da competição.

Com as ausências, o Grêmio entrar em campo com a seguinte escalação: Vanderlei; Orejuela, Geromel, David Braz e Bruno Cortez; Darlan, Matheus Henrique, Alisson, Isaque e Luiz Fernando; Diego Souza. A confirmação da equipe ocorrerá uma hora antes do apito inicial.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade