PUBLICIDADE
Logo do

Goiás

Meu time

Rezende alerta para o emocional nas 'decisões' da Série B e elogia torcida do Goiás: 'Fez diferença'

Equipe esmeraldina venceu o líder Coritiba na última rodada e está na quarta colocação, dependendo apenas de si para conquistar o acesso à Série A do Brasileirão em 2022

13 nov 2021 10h07
ver comentários
Publicidade

A três rodadas para o término da Série B do Brasileirão, o Goiás está na quarta colocação e se mantém firme na briga pelo acesso à Série A. A equipe esmeraldina vem de vitória, por 2 a 1, diante do líder Coritiba, na última quarta-feira, em casa, e agora só depende das próprias forças para retornar à elite.

Rezende falou do aspecto emocional na reta final da Série B do Brasileirão (Foto: Divulgação/Goiás)
Rezende falou do aspecto emocional na reta final da Série B do Brasileirão (Foto: Divulgação/Goiás)
Foto: Lance!

Titular nas últimas partidas, o meio-campista Rezende alerta para o momento decisivo, com dois jogos consecutivos longe de casa (Remo e Guarani - este um confronto direto pelo acesso), antes de fechar a competição diante do Brusque, na Serrinha.

- Nossa equipe está muito focada e determinada em conseguir o objetivo, que é o acesso à Série A. Trabalhamos muito para isso acontecer e vamos fazer de tudo para confirmar a vaga nessas últimas rodadas. Serão três jogos dificílimos, serão três finais, em que o emocional vai contar muito, então temos que estar preparados tanto dentro como fora de campo - analisou o jogador.

Aos 26 anos, Rezende chegou como grata surpresa do Azuriz, clube recém fundado do Paraná, que já chegou à Primeira Divisão estadual. Ele atua como primeiro e segundo volante e, nesta Série B, já marcou dois gols. Atuou em 19 partidas, sendo 16 como titular.

O jogador chegou a ficar um mês afastado por conta de uma lesão muscular, mas se recuperou a tempo de retomar a posição no meio-campo esmeraldino. No último duelo, diante do líder, ele mostrou-se impressionado com a festa da torcida nas arquibancadas.

- Ficar fora foi difícil, pois queria estar em campo ajudando a equipe, meus companheiros... você fica mais nervoso fora do que dentro de campo. Graças a Deus, pude voltar para dar o meu máximo e fazer a equipe sair vitoriosa. Queremos devolver o Goiás ao lugar que ele merece, que é na Série A. A torcida foi fundamental no último jogo, apoiou o tempo todo, parecia clima de final de campeonato. Ela fez toda diferença. Vamos correr o dobro por eles e esperamos retribuir todo esse carinho com o acesso ao fim do campeonato - afirmou Rezende, que tem contrato até o fim da Série B com o Esmeraldino.

Lance!
Publicidade
Publicidade