0

Corinthians faz 4 a 1 no Joinville e sai na frente por título da Copa do Brasil

4 out 2018
21h03
atualizado às 21h48
  • separator
  • comentários

Começou a disputa pelo título da Copa do Brasil de futsal. Na noite desta quinta-feira, em Joinville, Santa Catarina, o time da casa recebeu o Corinthians e perdeu por 4 a 1. Em duelo de gigantes, entre os dois últimos campeões da Liga Nacional de Futsal, o Timão não se intimidou e foi para cima dos donos da casa em jogo muito intenso e rápido, com as duas equipes bem abertas. Os gols foram marcados por Daniel duas vezes, Murilo e Nenê para o Corinthians e Thiaguinho para o Joinville.

A partida de volta acontece na próxima quinta-feira (11), em São Paulo, no Ginásio Wlamir Marques, Parque São Jorge. Junto com o apoio de sua torcida, o Corinthians joga por um empate para levantar a inédita taça da Copa do Brasil. O Joinville precisa vencer por qualquer placar para levar a partida para a prorrogação.

O jogo começou equilibrado, com ambos os times buscando escapadas para se infiltrar na área adversária. Mesmo contra a pressão do estádio lotado, o Corinthians não se intimidou e conseguiu chegadas boas perto do gol de Willian. No entanto, mesmo com algumas subidas, os times não exigiram muito dos goleiros graças à boa postagem defensiva.

A melhor chance do jogo, com pouco mais de seis minutos no relógio para o fim da primeira etapa foi uma arrancada de Henrique em contra-ataque para o Corinthians. O camisa 11 saiu de frente de Willian, sozinho e mandou em cima do goleiro, que salvou o Joinville com ótima defesa. Embalado, o Timão foi mais ofensivo nos últimos minutos, levando perigo à área dos anfitriões.

Mas o Joinville descontou o susto ainda no primeiro tempo, obrigando Obina a fazer sua primeira boa aparição, evitando um gol no final, com uma chegada pela esquerda da área. Antes do cronômetro zerar, mais uma vez o Tricolor chegou, em sua melhor chance de gol, com uma boa jogada pelo meio de Éverton e a bola sobrando para Leandro Caires chutar para fora.

Mais pegado, o segundo tempo começou truncado. Ainda assim, o Corinthians voltou com mais intensidade e movimentação. Em menos de um minuto os visitantes tiveram duas ótimas chances para marcar, com Nenê e Douglas, quando ambos desperdiçaram chutando para fora.

A resposta do Joinville não demorou e com uma boa defesa de Obina, o ginásio pegou fogo para empurrar os donos da casa. Poucos minutos depois, Leandro mais uma vez teve uma chance de ouro para colocar os catarinenses na frente do placar e mais uma vez mandou a bola para fora.

Apesar de diminuir o ritmo, o Corinthians chegou ao gol em uma jogada que começou lá de trás, com bom lançamento para Wilde, que fez a parede e viu Daniel chegando pela direita, que mesmo caindo, chutou no cantinho de Willian, que não segurou e deixou a bola passar pelos seus braços.

O Joinville teve que sair para tentar uma reação e acabou deixando espaços para o adversário continuar levando perigo, em boas chegadas com contra-ataque. Mas o time da casa conseguiu igualar o placar com bela jogada de Thiaguinho, que iniciou e finalizou a tabela com Leco, mandando a bola para as redes de Obina.

Os minutos finais foram de muitas chances para as duas equipes, que aceleraram as saídas de bola e colocaram o ritmo da partida lá no alto. Mas foi na jogada parada que o Corinthians voltou a liderar o placar. Em falta rolada para Murilo, que chutou forte, no alto, vencendo o goleiro Willian, o Timão fez 2 a 1.

Com pouco tempo para voltar ao jogo, o Joinville colocou o goleiro-linha para buscar o empate, mas a estratégia deu errado, já que Nenê conseguiu roubar a bola perto da área de Obina e, sem goleiro, chutou de muito longe para fazer 3 a 1. Continuando sem goleiro, o Joinville levou outro golpe, perdendo mais uma vez a bola no ataque para ver Daniel fechar a goleada faltando 30 segundos par ao fim de jogo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade