6 eventos ao vivo

Futebol

Xavi vai às lágrimas em cerimônia de despedida do Barcelona

Alejandro Garcia / EFE
3 jun 2015
11h48
atualizado às 16h35
  • separator
  • comentários

Realizada pelo Barcelona dias antes da final da Liga dos Campeões a ser jogada em Berlim, a cerimônia de despedida de Xavi foi bastante emocional nesta quarta-feira. O ídolo azul e grená sobretudo agradeceu a todos que tiveram parte em sua longa história no clube, mostrando-se muito orgulhoso pelos últimos 24 anos.

"Gostaria de agradecer a cada sócio do Barcelona, a todos que me deram carinho e me pediram para ficar. E obrigado acima de tudo ao Barça. Só tinha 11 anos quando vim de Terrassa (sua cidade natal). Nem no melhor dos meus sonhos poderia imaginar tudo o que vivi aqui", admitiu o meio-campista, que deixa a braçadeira de capitão e a camisa 6 vagas após tanto tempo no clube catalão.

No elenco profissional desde 1998, Xavi acumula nada menos do que 24 títulos oficiais com a camisa culé - invejável média de mais de uma taça faturada por ano. O meio-campista tem jogado cada vez menos desde que a idade começou a pesar, mas sempre teve seu passado reconhecido.

Xavi completou 24 anos de Barcelona
Xavi completou 24 anos de Barcelona
Foto: Alejandro Garcia / EFE

Durante o evento, Xavi fez questão de agradecer a vários dos treinadores com quem trabalhou no Barcelona. De Van Gaal ao atual Luis Enrique, todos foram citados pelo craque em seu discurso. A esposa e os familiares também tiveram vez, além dos amigos que acumulou no clube. O clima geral era nostálgico, ainda que o jogador prometa voltar para ocupar algum cargo diretivo.

Clima de nostalgia marca mais um evento para adeus de Xavi
Clima de nostalgia marca mais um evento para adeus de Xavi
Foto: Alejandro Garcia / EFE

Ainda que homenageado pelos serviços prestados, Xavi ainda não está liberado para seguir rumo ao Catar, onde viverá os próximos anos. Antes de reforçar o Al Sadd, ele tenta vencer sua quarta Liga dos Campeões da Europa com o Barcelona. A decisão será neste sábado, contra a Juventus, no Estádio Olímpico de Berlim.

 
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade