1 evento ao vivo

CBF não negocia mais com Alexandre Kalil sobre Sul-Minas-Rio

27 out 2015
17h31
atualizado em 27/1/2016 às 13h03
  • separator
  • comentários

A CBF definiu fechar as portas para o executivo da Liga Sul - Minas - Rio, Alexandre Kalil. A partir de agora, ele não vai mais ser recebido pelos dirigentes da confederação. A informação foi dada pelo secretário geral da CBF, Walter Feldman, durante entrevista coletiva, na tarde desta terça, no Rio.  

"Kalil foi bastante agressivo na última reunião. Nossa conversa agora vai ser com os clubes e as federações", disse Feldman.  

Alexandre Kalil é o CEO da Liga Sul-Minas-Rio
Alexandre Kalil é o CEO da Liga Sul-Minas-Rio
Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG / Divulgação

Segundo o secretário, foi o próprio Kalil que determinou o encerramento do diálogo entre a cúpula da liga e a CBF.  "Ele veio e disse que a liga sairia de qualquer maneira. Não é assim. É preciso seguir uma série de regras e normas, respeitando por exemplo o estatuto da CBF,  da Fifa,  da Confederação Sul - Americana. "

O Terra tentou em vão contato com Alexandre Kalil. A opção da liga pelo executivo foi tomada por unanimidade durante reunião da entidade no mês passado em Balneário Camboriu. Kalil foi escolhido exatamente por seu temperamento explosivo, uma vez que os clubes sabiam que o confronto com a CBF para a aprovação da liga seria inevitável. 

 

Fonte: Silvio Alves Barsetti

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade