4 eventos ao vivo

CBF boicota a final da Copa Sul-Minas-Rio

20 abr 2016
07h55
atualizado às 10h06
  • separator
  • 0
  • comentários

O torneio organizado pela Liga Sul-Minas-Rio (Primeira Liga) chega nesta quarta-feira à decisão ainda sob o boicote da CBF. O site da entidade máxima do futebol brasileiro ignora a partida entre Fluminense e Atlético-PR, em Juiz de Fora. Esse desprezo não se alterou em nenhum momento, mesmo depois que a confederação decidiu apoiar a Liga e a competição.

Foto: Reprodução

Com uma dinâmica que traz dezenas de informações todos os dias sobre os principais campeonatos e centenas de clubes de futebol do País,o site da CBF preferiu nesta manhã dar destaque ao noticiário de Bragantino, Sampaio Corrêa e América-MG, da reta final da Copa do Nordeste e de reuniões do comitê de reformas da entidade. Mas nada de Primeira Liga. Nem sequer uma citação sobre a disputa da partida final.

A CBF e os componentes da Liga estiveram em choque a maior parte do tempo, notadamente em 2015. A confederação não queria dar apoio ao movimento que reúne 15 dos principais clubes do País, dos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Minas e Rio de Janeiro. Isso ficou mais evidente quando a federação carioca de futebol se mostrou inflexível quanto à participação de Flamengo e Fluminense no torneio.

Mas a CBF voltou atrás exatamente por causa da pressão exercida por Flamengo, Fluminense, Grêmio, Internacional Cruzeiro e Atlético-MG, entre outros. Cedeu e abraçou a ideia dos clubes, temerosa de mais um desgaste – a confederação vive envolvida há um ano em escândalos de corrupção. O discurso soou bonito. Na prática, no entanto, a CBF continuou tratando a Liga como o patinho feio do futebol brasileiro.

 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade